Quando o diabo ataca as nossas crianças.

Por Renato Vargens

Nestes últimos dias  temos visto nos meios de comunicação noticias absolutamente absurdas onde crianças tem sido expostas publicamente.

Para exemplificar o fato gostaria de ressaltar pelo menos três situações:

1º - Uma menina de sete anos foi a madrinha de bateria da escola de samba Unidos do Viradouro, do Rio de Janeiro.
2º - A atriz Klara Castanho de oito anos, interpreta uma vilã na novela global "Viva a Vida"
3º - A música "Lobo Mau", inspirada na famosa fábula de Chapeuzinho Vermelho foi um dos principais hits deste carnaval. A letra de duplo sentido incentiva descaradamente a pedofilia.

"Eu sou o lobo mau, hau, hau
E o que você vai fazer, haaaaaaa
vou te comer, vou te comer, vou te comer.
Chapeuzinho pra onde você vai, diz aí menina que eu vou atrás
Pra que você quer saber?
Eu sou o lobo mau, hau, hau
Eu sou o lobo mau
E o que você vai fazer?
Vou te comer, vou te comer, vou te comer,
Merenda boa, bem gostosinha
quem preparou foi a vovozinha.
Êta danada, êta!
Merenda boa, bem gostosinha
quem preparou foi a danadinha
êta danada, êta!
Vou te comer, vou te comer, vou te comer."
Caro leitor, onde está o ministério público que permite aberrações como estas? E o juizado da infância e adolescência? Será que os nossos juízes consideram canções como a "Lobo mau" inocente?
Ora, vamos combinar uma coisa? Canções que incentivam a pedofilia  definitivamente apontam para a falência da decência e da moralidade. Como já escrevi anteriormente vivemos em um mundo submerso em pecado e que despreza os padrões de moral e justiça divina. Infelizmente a sociedade, de forma geral, encontra-se envolvida em um estilo de vida que em muito se contrapõe aos princípios da lei de Deus. Diante disto sou tomado pela convicção de que mais do que do que nunca necessitamos de um verdadeiro avivamento em nossa nação.

Que Deus tenha misericórdia do Brasil e nos purifique dos nossos pecados.

Renato Vargens

13 comentários:

Isso tudo me faz lembrar da música:
E POR QUE NÃO?

Na época houve uma polêmica em cima da música que foi lançada com duas versões:
Teu sangue é igual ao meu e Teu sangue não é igual ao meu...etc

Veja a letra e o vídeo:
Eu estou amando,
a minha menina.
E como eu adoro,
suas pernas fininhas.
Eu estou cantando,
pra minha menina.
Pra ver se eu convenço
ela a entrar na minha.

E por que não?

Teu sangue é igual ao meu,
teu nome fui eu quem deu,
te conheço desde que nasceu!
E por que não?

Eu estou adorando ver a minha menina,
com algumas colegas, dela da escolinha.
Eu estou apaixonado pela minha menina.
Ouve o jeito que ela fala, olha, o jeito que ela
caminha.
http://www.youtube.com/watch?v=oEn71o4fkjI

Que o Senhor Deus abra os olhos e os ouvidos do povo brasileiro!

18 de fevereiro de 2010 23:54 comment-delete

Censura= exame critico de obras literárias ou artisticas, falando de Brasil, a democracia ajudou a esmagar os valores a familia, tudo que assistimos hoje sempre existiu mas em proporções muito menores, pois a população era muito menor, o delinquente pensava 2 vezes antes de cometer o ato fora da lei, porque o castigo era práticamente instantaneo, a polícia era de respeito, não havia paternalismo para o criminoso, hoje nesta democracia da casa da mão joana direitos humanos não são para humanos direitos, o marginal tem todo apoio, tem até ajuda prisional do inss ( salário ), os pedófilos estão crescendo apesar de toda demonstração de repreenssão das autoridades, a familia é o alvo do diabo, e a Tv está sendo uma tática pois já se exibe todo tipo de protituição em qualquer horário.
Maranaha SENHOR JESUS.

Gilbert Raposo, um aprendiz em Cristo Jesus.

Gilbert Raposo
19 de fevereiro de 2010 06:58 comment-delete

Caro pastor Renato,

Em todos os carnavais surgem esses hitculos (hit + ridículos) "Eguinhas Pocotós", "Tchan's", "Nas Boquinhas das Garrafas", "Lobos Maus"...

As massas festejam, e o Diabo muito mais! Enquanto isso, poucos, nas esferas política, artística, educacional e religiosa, têm coragem de protestar contra essas apologias a tudo o que não presta: violência, imoralidade, pedofilia, etc.

Que Deus o abençoe, caro pastor, pela ousadia de tratar desses temas tão relevantes.

Em Cristo,

CSZ

19 de fevereiro de 2010 10:56 comment-delete

Prezado Gilbert,

Por mais que concorde que os dias são dificeis, a democracia continua sendo o melhor sistema. Que Deus nos livre de regressarmos a ditadura.

Abraços,

19 de fevereiro de 2010 11:23 comment-delete

Querido Pastor Ciro,

Estamos juntos na luta pelo o Evangelho saudável de Cristo Jesus.

Abraços,

Renato Vargens

19 de fevereiro de 2010 11:26 comment-delete

Mta Paz irmão..
Lamentavel a letra dessa musica, que Deus possa ter muita misericordia para conosco e nos livrar do que ha por vir..abraço

Diego Batista
http://conversandocomiave.blogspot.com/

19 de fevereiro de 2010 11:30 comment-delete

Os dias são maus e é preciso cada vez mais falar à igreja a respeito dos princípios da Palavra que são necessários para que as pessoas não adotem os costumes, que como esse do vídeo, são disseminados na sociedade.

Devemos sempre lembrar da famosa frase do Spurgeon : "A igreja deve atrair pela diferença e não pela igualdade".

Pr. Wilson Bento

19 de fevereiro de 2010 11:56 comment-delete

A Paz, prezado companheiro...

Parabéns pela coragem de denunciar. Felizmente, ainda temos pessoas com essa sensatez. Infelizmente, nossas autoridades tendem a fazer "vista grossa" para assuntos que denunciam essas atitudes e gostam de coar mosquito, por exemplo, quando organizamos uma Marcha para Jesus...
Graças a Deus existem atalaias que estão no pináculo da Torre, com um olhar panorâmico no que acontece, para denunciar com embasamento.

Deus continue a abençoá-lo!

Prof Damasceno
www.profdamasceno.blogspot.com

19 de fevereiro de 2010 12:55 comment-delete

Pastor, muitas das vezes inconcientemente o governo tbm contribui para a pedofilia ao permitir musicas como essa.

Anônimo
19 de fevereiro de 2010 15:23 comment-delete

Não me posicionei a favor da ditadura, porém que o povo brasileiro não estava preparado para recebe-la é fato, liberdade=libertinagem ?, é aquela estória do porco criado como cão acorrentado, na primeira chance de liberdade para onde ele vai ?, o homem não foi criado para ser preso e sim livre, mas devido a sua natureza é preciso ser vigiado a ter limites, se não fosse assim não estariamos neste debate.

Gilbert Raposo, um aprendiz em Cristo Jesus.

Gilbert Raposo
19 de fevereiro de 2010 16:50 comment-delete

E o Pior de tudo Pastor , que na maioria das vezes os próprios pais estimulam tais coisas. Uma catástrofe .
Abs
Beto

19 de fevereiro de 2010 20:48 comment-delete

Querido Beto,

Vc tem toda razão. Infelizmente alguns pais tratam dos seus filhos com leviandade.

abraços,

19 de fevereiro de 2010 20:54 comment-delete

Nesta sociedade moderna, perguntamo constantemente. Onde erramos?
Mas o mundo não quer saber de reconhecer os seus erros. Infelismente satanáz ainda reina nesta baixa terra,e fará de tudo para impedir a vitória da Igreja de Cristo. O que vemos hoje nada mais é do que a manifestação do poder do inimigo inundando o mundo com a lama do pecado. Porque estão acontecendo tantas tragédias e calamidades no mundo? Seria Deus penalizando alguns pelos erros de muitos?

Há uma esperança única para a AMADA IGREJA DE CRISTO.
Jesus está às portas!

7 de maio de 2010 16:57 comment-delete