sexta-feira, setembro 25, 2015

Uma preciosa lição ensinada pelos vikings



Outro dia estava assistindo no NETFLIX uma série sobre os Vikings.

Pois bem, a história do filme se desenrola com a invasão de um grupo viking liderado por um rei semilendário chamado Ragnar Lodbrok a um mosteiro cristão na Inglaterra.

Nesse episódio, os soldados nórdicos mataram de forma bárbara quase todos os padres daquele lugar, contudo, um deles por falar o idioma viking foi mantido vivo. Todavia, uma coisa deixou os vikings curiosos: diante tanto ouro existente no mosteiro, porque um padre preferiu proteger um livro e não as riquezas? Ao ser questionado pelos seus algozes o motivo disso, o padre respondeu dizendo: "Porque sem a Palavra de Deus há trevas."

Pois é, que verdade inquestionável não é mesmo?  A ausência da Palavra de Deus tem levado a igreja a experimentar trevas. Aliás, parte da Igreja brasileira encontra-se mergulhada num terrível sincretismo religioso por ter abandonado a centralidade das Escrituras.

Isso me faz lembrar de John Piper que diz:

"Nós somos um povo do Livro. Nós conhecemos Deus pelo Livro. Nós encontramo-nos com Cristo no Livro. Nós vemos a cruz no Livro. Nossa fé e amor são estimulados pelas gloriosas verdades do Livro. Nós provamos a divina majestade da Palavra e estamos convencidos de que o Livro é a inspirada e infalível revelação escrita de Deus. Portanto, o que o Livro ensina é importante...

Não há salvação do pecado, da culpa, da condenação e do inferno fora da fé em Jesus Cristo (Atos 4:12; Romanos 10:13-17; 1 João 5:12). E não há nenhuma outra autoridade além das Escrituras para lhe mostrar quem é Cristo e dar-lhe as Palavras dEle. Portanto não abandonem a Bíblia, crianças. Não abandonem a Bíblia, jovens. Não negligenciem a Bíblia, pais e mães. Não ignorem a Bíblia, solteiros. Abaixo de Deus, os "escritos sagrados", as Escrituras, são o maior tesouro no mundo. Só elas nos tornam sábios para a salvação através de Cristo. Oh, não negligenciem este Livro!"

Que Deus nos ajude e que a todo custo voltemos as Escrituras fazendo da Palavra de Deus nossa única e exclusiva regra de fé.

Pense nisso!

Renato Vargens

Rauni disse...

Louvado seja o Deus do Livro, Sua eterna Palavra!
Que o Senhor nos capacite a conhecer e guardar Suas Palavras no coração e mente.
Um abraço, pastor Renato Vargens

Juliana Correia de Souza disse...

É importante perceber que sem o Livro, a igreja perde sua identidade como igreja! Deus te abençoe pastor!

Geraldo Calembela disse...

Essa descaracterização da Igreja moderna é fruto da ignorância d muitos Pastores, isso, sem falar d Angola país onde nasci, aqui a bíblia esta ultrapassada, parece q estamos assemelhados a época d Oséias 4:6.

Nelson Antonio Alexandre disse...

Verdade, Oxalá pudessem os líderes mundiais conhece lá de verdade.

HP disse...

"Deus do Livro".
Bem isso mesmo.

Eu prefiro louvar o Deus que se fez carne e habitou entre os homens: Jesus.

HP disse...

É importante perceber que a Igreja foi fundada em Cristo, não em livro nenhum.

Aliás, o livro só veio a existir bem depois, quando os evangelistas começaram a "colocar no papel" as lembranças dos ensinamentos de Cristo.
As cartas endereçadas por Paulo às Igrejas só vieram a ser compartilhadas entre elas muito mais tarde.
A Igreja de Corinto só foi ter conhecimento da carta aos da Tessalônica anos mais tarde.

O Livro sem Jesus não subsiste. Ele é maior que Moisés. Ele é maior do que o livro.

O Livro serve Cristo. Não Cristo o livro.

favourite category

...
ministério pastoral

Whatsapp Button works on Mobile Device only