Os cantores gospel, seus cachês e a vergonha do evangelho.

Por Renato Vargens

Há pouco eu estava assistindo na Rede Record de Televisão, o programa “Geraldo Brasil” onde inúmeros cantores gospel estavam reunidos. Em meio a muita cantoria, um deles afirmou que Deus mudou as suas vidas transformando-os poderosamente. Contudo, ao serem questionados sobre seus shows, todos foram unânimes em concordar que o que fazem é servir a Deus com os seus dons e ministérios. Ora, vamos combinar uma coisa? Se esses caras tivessem se convertido as suas vidas não teriam mudado? E Carla Peres? Se tivesse encontrado ao Senhor continuaria dançando no carnaval? E quantos aos cachês? Continuariam sendo cobrados em valores exorbitantes?

Caro amigo, infelizmente em nome de Deus os denominados cantores gospel tem cobrado o olho da cara. Alguns destes possuem a pachorra de cobrar R$ 40.000,00 por show. Ora, isso é uma verdadeira aberração! Em um país de gente miserável e pobre, a igreja em vez de saciar a fome daqueles que anseiam por justiça e comida, comercializa a fé?

Sinceramente esses cantores que se dizem vocacionados deveriam abrir mão dos cachês nababescos e viver como qualquer servo de Deus. É bem possível que ao ler a esta afirmação talvez você esteja pensado com seus botões: “Há, mais eles precisam viver, é certo que recebam!” Claro que é justo que recebam uma oferta como qualquer ministro cristão, todavia, existe uma diferença significativa entre receber uma oferta e cobrar milhares de reais por apresentação. Se não bastasse isso, tais cantores se locupletam de uma glória que não lhes pertencem, tomando para si a honra que pertence ao Senhor das nossas vidas.

Pois é, esta historia de artista gospel é uma verdadeira vergonha. Afirmar que seus shows fazem parte de um ministério cristão é no mínimo afrontar o conceito bíblico de serviço. Isto posto, repudio veementemente os que em nome Deus se locupletam da fé publica cobrando valores imorais por seus shows e apresentações.

Que Deus tenha misericórdia desta geração!

Renato Vargens

60 comentários

  1. Concordo em Genero, numero e grau, belo texto

    ResponderExcluir
  2. é uma pena ter que concordar com vc onde esta a gloria do senhor nesses ditos que cobram para cantar o nome de DEUS e nao é louvor na real é só comercio hoje ser crente da dinheiro entao todo mundo ta virando crente

    ResponderExcluir
  3. ESTÁ TUDO ERRADO, O APEGO AS COISAS MATERIAIS, O ENRIQUECIMENTO, COBRANÇA ANTECIPADA PELO DOM GANHO DE GRAÇA, E O REINO DOS CÉUS ?, PORÉM TODOS NÓS RESPONDEREMOS PELOS NOSSOS ATOS TERRENOS, QUE HAJA ARREPENDIMENTO E CORREÇÃO, FALTA POUCO HEIM !
    GILBERT RAPOSO, UM APRENDIZ EM CRISTO JESUS.

    ResponderExcluir
  4. Bem, a culpa nåo é somente daqueles que cobram, mas sim, dos que pagam também. O pior é que a qualidade das tais musicas está piorando cada vez mais.

    ResponderExcluir
  5. Isso é uma vergonha para o povo evangelico !!

    ResponderExcluir
  6. Eu também assisti este programa. Pra ser sincero, eu "senti" que algumas pessoas ali pareciam bem verdadeiras. Realmente há abusos com relação a cobrança de cachês, shows em lugar de cultos, etc. Quanto a saber quem é convertido de verdade... embora sejamos muitas vezes tentados a julgar isso, acho que não nos compete, pelo menos EU não me acho competente para saber quem é e quem não é convertido de verdade.
    Carlos Gomes

    ResponderExcluir
  7. A paz irmão!

    Tenho a mesma opinião a esse respeito. Onde está a transformação? Tenho que ver, sentir e provar.

    "A obra de cada um se manifestará; na verdade o dia a declarará, porque pelo fogo será descoberta; e o fogo provará qual seja a obra de cada um." (I Coríntios 3 : 13)

    ResponderExcluir
  8. Assino totalmente embaixo.
    E concordo com o comentátio do João.

    Está na hora do povo acordar pro verdadeiro cristianismo! Há aversão à Bíblia, a "letra morta", e achasse que Avivamento é igual a "alegria" (entenda: entretenimento!).

    O movimento "hewanjéliko" no Brasil é 90% morto! E o pior é que estão tão cegos que nem percebem isso...

    ResponderExcluir
  9. Paz! Irmao Renato, foi muito bom o seu texto, realmente vc disse a verdade...
    Hj os q eram do mundo dizem q se converteram mas não mudaram o seu estilo de vida, vc ouviu falar da TATI BARRRACO, a famosa cachorrona? Pois é agora ela é gospi, gospel, "converteu", pelo menos é o q dizem... mas ainda ela continua fazendo seus shows mundano... as pessoas não confiam em Deus, q ele pode suprir suas necessidades, infelizmente é isso....

    JESUS TENHA MISERICÓRDIA DE NÓS Q PERCEMOS..

    FIQ NA PAZ... Qndo tiverem um tempo acesse o meu blog www.padom.com.br

    ResponderExcluir
  10. Meu amado vc esta zombando do povo de Deus e que ele tenha misericórida de vc, pq assim como ele é amor tb é justiça, não julgues o teu irmão, achas que os cantores gospel irão mendigar o pão? Deus esta exaltando eles, pois através de seus louvores irão tocar em corações duros, inclusive o seu. E se for cantores somente em busca de dinheiro, não se preoculpe que Deus irá fazer a sua justiça. Sou a favor dos cantores que levam a mensagem de Deus, muito melhor do que músicas ridiculas que naum trazem nada de interessante como as músicas que disseminam a prostituição, o adulterio, as drogras e etc.Destruindo milhares de familias e levando a sociedade para o caos. A esses é digno pagar preços exorbitantes?
    Que Deus tenha misericórdia de vc e das pessoas que escreveram comentários maldosos sobre essas pessoas de Deus.

    ResponderExcluir
  11. Prezado anônimo que NÃO teve coragem de assinar o nome,

    Oro ao Senhor para que Ele lhe abra os olhos e faça entender a verdade do evangelho.

    Naquele que Reina,

    Pr. Renato Vargens

    ResponderExcluir
  12. Bom dia,
    Sou leitor do seu blog a algum tempo e confesso me preocupar com a forma como ultimamente tem colocado suas opiniões. Seus comentários vem soando mais como um discurso inquisidor do que de um cristão com a preocupação de manter a verdadeira fé acesa. Se tem algo que pude aprender com os ensinamentos de Cristo é que não são críticas aos "fariseus e saduceus" que resolvem alguma coisa, mas o simples viver com atitudes totalmente diferentes desses fariseus, com frutos verdadeiros e com um exemplo de vida, que nos fazem mudar o que está à nossa volta.

    ResponderExcluir
  13. Só mais uma coisa: Como bom cristão que me parece ser, acredito que: como pastor não deva usufruir de ofertas e dízimos da igreja que preside; como conferencista não deva cobrar por suas conferências; como escritor não deve cobrar pelos livros que escreve, nem pelas colunas em revistas e jornais. Porque, apesar de todo esse trabalho que tem, todo esse dom que tens foi Deus que lhe deu. Estou correto?

    ResponderExcluir
  14. Prezado Ed_Mac,

    Obrigado por ter escrito.

    O que vc sugere? Vamos continuar brincando de Pollyana e fazendo o jogo contente? Vamos continuar advogando a causa de que o Brasil está experimentando um grande avivamento?

    Meu amigo, sabe quantas pessoas em virtude deste evangelho pregado se transformaram em pessoas gnósticas?

    Pois é, não dá para calar.

    Abraços,

    Pr. Renato VArgens

    ResponderExcluir
  15. Concordo com tudo o que disse. E cá pra nós, tem música que não diz nada...

    ResponderExcluir
  16. sou ministro de louvor e penso que estamos vivendo um comércio na casa de Deus. Assim como quando Jesus expulsou os comerciantes do templo, pois estavam abusando da venda de ofertas e tudo mais, devemos boicotar esses cantores, pregadores, enfim, todos que usam do evangelho para tirar vantagem e fazerem do nome de Jesus um meio de ganhar somas enormes de dinheiro. Não sou contra essas pessoas ganharem ofertas, pelo contrário acho justissimo, mas vamos ter quilíbrio e sabedoria. Que Deus tenha misericordia de nós.

    ResponderExcluir
  17. Queridos, irmãos, acho que poderíamos iniciar uma reflexão/meditação sem partidarismo. Quando vejo a postura de alguns "cantores gospel" fico assustada sim e triste também. Mas gostaria de chamar a atenção dos irmãos para as questões abaixo :
    - Quem "consome" estes produtos "gospel"(cds, shows, etc, etc) ?
    - Por que consomem ???
    - Por que os pastores "contratam" estas pessoas(a peso de ouro) ???
    - Não costumo comprar qualquer cd, não vou a shows "gospel",
    - Reconheço a seriedade, o talento e o ministério de alguns irmão, se é possível compro o cd, divulgo seu trabalho(comoutros irmãos) mas realmente não corro atrás de shows e nem compro tudo que é lançado.
    Queridos, Nosso Pai habita no meio dos louvores e não em shows e estações de rádio.

    A Paz do Senhor

    ELiana

    ResponderExcluir
  18. Prezada Eliana,

    Vc fez excelentes perguntas, que caberiam aos pastores e crentes em Jesus responderem de forma prática e sincera.

    Infelizmente o movimento gospel é uma indústria.

    abraços,

    ResponderExcluir
  19. Ed mac, É este o seu nome? Prefere não se identificar né?

    Prezado EU NUNCA cobrei para pregar em qualquer igreja.

    Naquele que é a verdade,

    Pr. Renato Vargens

    ResponderExcluir
  20. Quem aponta o dedo é o Diabo, tome cuidado com o pré conceito sobre as pessoas.
    É notorio a mudança desses artistas,mas somente as pessoas que realmente brilham na gloria do Senhor sabe o quanto é gratificante cantar para a honra e gloria do seu nome, independente do cache.

    ResponderExcluir
  21. Prezada Gislaine,

    Por acaso defender a verdade é apontar o dedo? Reponda sinceramente é justo usar o nome de Deus e cobrar pelas ministrações? É correto cantar em troca de 10, 20, 30 mil reais?

    Infelizmente os valores da Igreja de Cristo precisam ser revistos.

    Fique na Paz!

    ResponderExcluir
  22. Tbm assisti parte do programa e em alguns momentos fui impactada por colocações pertinentes ao evangelho e canções de adoração.
    Aquele que julga os corações recompensará a cada um segundo as suas obras, sejam cantores que mercantizam a fé, crentes vestidos de falsa religiosidade ou pregadores centrados em seus próprios egos.

    ResponderExcluir
  23. No Raul Gil também vão vários cantores Gospel, com testemunhos que impactam, e de valores verdadeiros que contribuem para o crescer das pessoas que estão no muro, os religiosos julgam, açoitam, condenam, sejam mais amor ao próximo intelectuais de plantão, sejam um pouco de sensibilidade no seu ser, cuidado vc está sendo filmado também, sorria e ajude quem precisa, aqui na internet se alcança poucos que tem um pc, vá a luta, saia nas ruas, nos bairros, entre nas casa onde encontrará gente gemendo, chorando, sofrendo, ai sua vida vai mudar, Estevão foi apredejado justamente ?, cuidado.............
    reveja a vida como ela é..........
    irmão X.

    ResponderExcluir
  24. Prezado irmão X,

    Obrigado por ter escrito. Porque vc não se identifica? O anonimato é tão feiro!

    O pastor Márcio de Souza em seu blog marciodesouza.blogspot.com tem um texto chamado GERAÇÃO X, estou achando que você faça parte dela, até porque, seus questionamentos fazem parte de uma geração de pessoas que não sabe o que quer.

    Uma pena,

    ResponderExcluir
  25. É uma pena que já esteja virando NORMAL e NATURAL essas coisas no nosso meio. Prova tal, são as pessoas que estão aqui defendendo tais. OLha aonde fomos parar...

    Com certeza o deus deles é a Barriga! Quanto mais dinheiro melhor, não importa como!

    ResponderExcluir
  26. Alguns pastores de nossa cidade, queriam, digo, QUERIAM trazer o Regis Danese, numa progra,ação para novembro. Ele pediu a bagatela de 40 mil reais... Conclusão: eles devem chamar o Grupo Vineard que pede 2 mil para cubrir suas despesas com transporte, alimentação e manutenção. É mole?

    ResponderExcluir
  27. Prezada Natali,

    Coitadinho dele. A Igreja não quis lhe dar a ajuda de custo de R$ 40.000,00?

    DEus tenha misericórdia!

    ResponderExcluir
  28. engraçado que esse anônimo não nos da nenhuma base bíblica!
    pq?
    sera mais um crente sem estudo da palavra?

    ResponderExcluir
  29. Prezado Renato Vargens,
    Este nome é colocado pelo meu gmail.
    Meu nome é Edgar Maciel, daí as iniciais ED_MAC.
    Não digo que não devemos "denunciar" os que comercializam a fé. Isso não pode ser aceito e nem alimentado por nós cristãos.
    Agora imagine se esses cantores cristãos tivessem que cantar musica secular para pagar suas contas! Quanto mais reconhecimento seu trabalho ganha nacionalmente, suas despesas aumentam e seu modo de vida muda!
    Não devemos criticar os cantores cristãos que cobram pelo seu trabalho, e sim AQUELES QUE SÓ CANTAM PARA GANHAR DINHEIRO!
    E isso vale pra pastores, missionarios, escritores etc.

    ResponderExcluir
  30. Prezado Edgar Maciel,

    Me diga uma coisa: um cantor que recebe 40 mil por show, fazendo no mínimo 8 shows por mês lhe renderá 320 mil. Será que esta pequena quantia não dá para que paguem suas contas? Infelizmente o movimento gospel virou um grande bussiness.

    Pr. Renato Vargens

    ResponderExcluir
  31. O PIOR CEGO É O QUE FAZ QUESTÃO DE NÃO ENXERGAR.....
    Que Deus continue te abençoando Pastor Renato.

    ResponderExcluir
  32. Realmente é uma grande brincadeira o cidadão cobrar 40.000 para um show.

    O deus deles é a barriga. Quanto mais dinheiro melhor. Vamô enche a barriga!

    É uma pena que isto esteja virando NORMAL e NATURAL.

    Os seguidores dessas pessoas não estudam a bíblia, não oram. Eles seguem Cristo bem, bem longe.

    Qualquer um que lê a bíblia sabe que Deus não aprova isso.

    E o pior é que o Pr. ainda é massacrado por denunciar essas palhaçadas.

    Realmente a volta de Cristo está perto...

    A inversão dos valores já ocorreu!!
    Inverter valores agora é ser correto, inverter valores é ser contra o homossexualismo....
    é uma grande BRINCADEIRA tudo isso!!!

    ResponderExcluir
  33. Caros Irmãos desta "Babel". É incrível ver a quantidade de comentários e a quantidade de opiniões divergentes. Mas acima de tudo o que está em jogo, o que é importante? Talvez Deus um dia punirá os culpados e "libertará" os inocentes, mas até lá, o que eu devo fazer da minha vida. No blog de nossa igreja fizemos um post sobre o tema: O obreiro é digno do salário? nosso pastor discorreu sobre o tema e inclusive cita algo a respeito dos "levitas". Deem uma olhada e tirem suas conclusões.

    ResponderExcluir
  34. Psicólogos cristãos cobram consultas.
    Mecânicos cristãos cobram seus serviços.
    Profissionais vendem seu trabalho, independente da fé que confessam.

    O problema está que "celebridade" (do mundo ou de fora do mundo) quer ser celebridade e continuar a vida dando autografo, pois, as vezes, não sabe ser mais nada que não seja ser celebridade.

    Quando alguém chama uma celebridade gospel para sua igreja, tenciona o que? Córum? Ibope? Um culto "cheio"?
    Crente pede autografo?
    Crente, quando reconhece uma celebridade, quer tirar foto com ela?

    Como disse a irmã acima, lei de oferta e procura. Só existe isso por que se acha quem procure.
    Ou seja: a única forma de se matar este bicho é de fome.
    Enquanto se ache quem o alimente, o monstro plorifera, nos desmoraliza e envengonha.

    ResponderExcluir
  35. Paz do Senhor meu amado irmão.
    Quanto à matéria sobre esta onda de astros gospels, também penso nesta situação como abuso e falta de ética cristã. Pois, se entendermos isto como ministério, não estaria isto subordinado a orientação “de graça recebeste, de graça daí”. Em sendo ministério, não é serviço em nome de alguém, no caso de Deus? Então, em sendo isto um ministério, com seu produto iluminado pelo Senhor, inspirado pelo Senhor, sendo produzido intelectu-almente pelo Senhor, e sendo registrado no nome do astro, não é crime de estelionato? Ou, apropriação indébita? Isto não é a tão combatida pirataria, só que o pirateado aqui é Jesus! No tempo em que o Senhor andava como homem na terra espancou os mercade-jadores no templo, estes tais são a nova geração?
    Perdoe-me, pastor, mas engolir tanta coisa, tantos discursos em nome da moralidade espiritual por enroladores e espertalhões de plantão já está passando do ridículo. Mas ainda fica pior quando os espertalhões cobram para pregar, para entregar ao povo de Deus o que o próprio Deus o enviou para fazer. Uma coisa é ser bom profissional, outra coisa é ser um oportunista religioso, estamos experimentando a criação das castas supe-riores dentro das igrejas, será que vamos viver para testemunhar a defesa do carma cris-tão? É a apostasia chegou com tudo, o cinismo, e a falta de temor passeiam de mãos dadas, e a venda do óleo ungido de peroba está de vento em popa.
    Deus tenha misericórdia, e sua abreviação do tempo se cumpra, caso demore muito não vai sobrar nada!

    ResponderExcluir
  36. Prezado colega Pr. Renato,
    seu texto é muito oportuno e atual. Realmente o que estamos vendo é algo assustador. Creio que houve um tempo na história que podemos comparar ao atual. A idade média. Gostaria de ponderar uma afirmação do colega sobre ser razoável dar ofertas para os pretensos cantores gospel.Primeiro que não encontramos este tipo de ministério no Novo Testamento. Segundo que não encontramos este comportamento em 2000 anos de história do cristianismo. Terceiro que comparar pastores com esses grupos de cantores não tem fundamentação bíblica. Quarto, conforme algumas opiniões no blog, profissionais cristãos em várias áreas cobram por serem profissionais a serviço da sociedade como engenheiros, psicólogos etc. Nunca soube de cantores profissionais cristãos. São ponderações somente tendo em vista que estamos nivelando por baixo o ministério pastoral, porque muitos dos que se dizem pastores não o são e comentem atrocidades terríveis. Temos como consequência disso uma formação de imagem que todo pastor deve ser igual aos desastrados e enganadores. Um exemplo interessante nesta área de cantores cristãos é Glória Gaynor. Cantora norte americana que vendeu milhões de cópias de cds e dvds e vem de linhagem evangélica. Raramente grava uma música com conteúdo cristão e vive profissionalmente de músicas populares. Em uma entrevista disse: Deus me deu um dom e uso esse dom para entreter as pessoas. Aqui no Brasil ser cantor gospel virou profissão. O ato de adorar já está distante desses profissionais da música gospel. Mas é mesmo assim, o tempo passa, a Palavra é preterida e andamos no limite entre a verdade de Deus e o mundo. Sansão andou no limite de um dia não percebeu que o Espírito do Senhor já não atuava em sua vida.
    Parabéns pelo texto, coragem e clareza.
    Continue sem esmorecer.
    Um abraço
    Em Cristo

    http://ministrioforaparaviver.blogspot.com/

    http://ministerioforcaparaviver.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  37. Amado pastor Renato, sou um grande admirador seu pela coragem que o senhor tem em denunciar tais coisas. Como gostaria que se levantassem mais pastores assim.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  38. Graça e paz á todos!
    matheus:cap.18
    15 ¶ Ora, se teu irmão pecar contra ti, vai, e repreende-o entre ti e ele só; se te ouvir, ganhaste a teu irmão;
    16 Mas, se não te ouvir, leva ainda contigo um ou dois, para que pela boca de duas ou três testemunhas toda a palavra seja confirmada.
    17 E, se não as escutar, dize-o à igreja; e, se também não escutar a igreja, considera-o como um gentio e publicano.
    18 Em verdade vos digo que tudo o que ligardes na terra será ligado no céu, e tudo o que desligardes na terra será desligado no céu.

    matheus cap:10
    8 Curai os enfermos, limpai os leprosos, ressuscitai os mortos, expulsai os demônios; de graça recebestes, de graça dai.
    9 Não possuais ouro, nem prata, nem cobre, em vossos cintos,
    10 Nem alforjes para o caminho, nem duas túnicas, nem alparcas, nem bordão; porque digno é o operário do seu alimento.
    11 E, em qualquer cidade ou aldeia em que entrardes, procurai saber quem nela seja digno, e hospedai-vos aí, até que vos retireis. 12 E, quando entrardes nalguma casa, saudai-a;
    13 E, se a casa for digna, desça sobre ela a vossa paz; mas, se não for digna, torne para vós a vossa paz.
    14 E, se ninguém vos receber, nem escutar as vossas palavras, saindo daquela casa ou cidade, sacudi o pó dos vossos pés.
    15 Em verdade vos digo que, no dia do juízo, haverá menos rigor para o país de Sodoma e Gomorra do que para aquela cidade.
    16 Eis que vos envio como ovelhas ao meio de lobos; portanto, sede prudentes como as serpentes e inofensivos como as pombas.


    IRMAOS POR FAVOR NÃO CRITIQUEM MAIS,MAS CRITIQUEM MENOS E OREM POR ESSAS PESSOAS PARA QUE DEUS POSSA AGIR NA VIDA DELAS POIS É PELA ORAÇÃO QUE DEUS VAI NOS OUVIR E ATENDER NELAS SE ASSIM FOR DA VONTADE DELE.

    em relação al cachê eu acho errado, mas na minha opinião se eles tem que pagar imposto cobrem somente pelo imposto sem abusar porque aquele dinheiro foi dado de coração.Na minha opinião eles deveriam cobra um preço bem baixo e deixar que as pessoas por livre vontade deem a eles de boa vontade para mesmo que isso de agora por diante só venham aquelas pessoas das ''periferia'' não estou dizendo isso para fazer separação de pessoas que devem ou não entrar nos shows, porque ninguem deve fazer separação de ninguem dizendo quem deve entrar ou não ,mas deve confiar em Deus para ele agir nessas pessoas para elas mudarem e ajudarem uns aos outros, porque foi para isso que JESUS CRISTO VEIO para mudar as pessoas e dar liberdade para elas e não determinar quem seja livre e quem seja escravo...

    espero que tenha bom pruveito de agora por diante essas palavras para mudarem os corações de vocês para ORAREM mais por elas e não zombarem, porque os zombadores não podem ser aqueles que conhecem á CRISTO mas os de fora e nós devemos pregar um evangelho LIBERTADOR PARA ESSES...

    FIQUEM COM DEUS...

    ResponderExcluir
  39. Querido, concordo com você em parte. O investimento em um bom CD é bem alto e, de alguma maneira esse investimento deve voltar, pois na grande maioria saiu do leite e pão da família, da venda de um carro etc.

    Concordo com o irmão sobre cachês imorais, ainda mais quando se trata de cantores que cantam com Playback, ou seja, sem uma banda profissional o acompanhando, o que justificaria o salário de cada músico.

    Contudo, o texto nos alerta sobre - muitas vezes - honrar pessoas "famosas" que não nos acrescentam em nada a honrar um irmão (cantor/banda) da região que teria muito mais de Deus para nós.

    Forte abraço!

    ResponderExcluir
  40. Pastor, é preferivel comprar o dvd e ai assisti o show quantas vezes quizer.

    ResponderExcluir
  41. Renato PARABENS,concordo com tudo que vc disse,inclusive os louvores hoje(com pouquissimas excecoes)so se ve gritaria,fogo pra la,fogo pra ca,ta amarrado,eu determino,eu declaro ,urg,ta me irritando.sorte que temos a BBN entre outras radios na web,porem aqui no RJ,é muito precario,espero melhoras.

    A PAZ PARA TODOS

    ResponderExcluir
  42. claudionor ferreira16 de abril de 2010 10:57

    confesso que a situação é realmente crítica, e que eu tenho vontade de chorar, pois vemos que esta comercialização do evangelho não tem limite; pois os próprios líderes que deveriam impedir tal prática, são os primeiros a terem atitudes soberbas, avarentas e arrogantes em nome de Deus, e do evangelho.
    sou membro da assembléia de Deus e fico indignado vendo que nossos lideres que na década de 90 quando eu me converti tinham uma postura totalmente contrária a tudo isto que hoje praticam chegando ao ponto de comprar jatinho com o dinheiro daqueles que são engodados com a oferta de R$900 e muito mais.aonde é que vamos parar com tudo isto? mas tenho certeza que Deus está levantando homens que tenham coragem de protestar contra o engodo e a ganância desses homens que só tem compromisso com seus interesses pessoais.

    ResponderExcluir
  43. JOSIANE RODRIGUES24 de abril de 2010 23:07

    ola meu nome é Josiane ,,,,
    Comentários como estes só influenciam algo que não é verdadeiro ,pois as pessoas que trabalham com estes cantores tem outras para sustentarem e infelizmente tudo gira em torno do dinheiro,então não critique pois o DEUS que servimos é Deus do ouro e da prata,como somos filhos DELE ,temos por direito herança,e desfrutar do melhor desta terra,então não critiques,pois o que não é muito justo é pagar milhões para montar um evento que só traz destruiçaõ para essa terra e as pessoas,como o carnaval,ou vc é a favor da festa da carne????
    Que DEUS te de diserimento para suas proximos matérias por esta esta esta descabivel....
    Fique com DEUS.
    JOSIANE

    ResponderExcluir
  44. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  45. Paz queridos...
    Tive o prazer e o cuidado de ler o texto assim como todos os comentarios dos queridos, o texto é bem interessante e concordo quanto aos horrores dos caches cobrados pelos nossos cantores, que amamos, que compramos seus cds,vamos as suas apresentações e divulgamos seus nomes..Infelizmente é uma realidade no meio do cristianismo, o evangelho vem sendo barateado de uma certa forma, que não da nem pra inumerar.
    Pois é, enquanto existem pessoas por ai que oram , jejuam, se consagram para trazer um sermão a fim de que vidas sejam libertas, e conta somente com a ajuda de combustivel, ou não, muitos estão por ai ganhando horrores pra cantar 3 musiquinhas...eu sei que lutaram para estar onde estão, e com certeza Deus colocou eles em lugar de destaque, são portadores de grandes promessas, mais infelizmente as pessoas mudam quando o assunto é dinheiro (Que Deus tenha misericordia de mim).
    Mais existe tambem o outro lado, existem tambem cantores que tem compromisso com Deus, que estão lutando para realizar seus sonhos, e fazer acontecer em suas vidas tudo aquilo que Deus prometeu, mais infelizmente grandes igrejas se preocupam em levar para seus altares "os cantores que estão na mídia" e se esquecem que tem muitos cantores que embora estão começando, não estão na mídia, e talvez nunca ouvimos falar deles, mais são pessoas de tamanha unção, e portadores de um grande chamado...e quando são convidados,mal recebem a ajuda do combustivel, vendem alguns cds, e com a venda pagam suas despesas para estarem nestas igrejas (Lembrando que tem muitas igrejas que reconhecem o chamado de Deus na vida de alguem e abençoa sem medidas!). Mais a grande maioria tem a capacidade de dizer:"Querido Deus abençoe, só Deus pode retribuir tudo oque o irmão fez por nós, me perdoe não poder ajudar o irmão, abençoar, queriamos ter feito uma coisa melhor, um evento melhor, mais na proxima faremos..um abraço..ee thauzinho!". Então, enquanto isso, quando o assunto é ter um cantor famoso na igreja ( o que é legal sim..) mais, eles conseguem se organizar, vender pizza, feijoada,levantar ofertas e tantas as outras coisas , pra pagar os milhões que os amados combram pra cantar 3 musicas e ir embora de bolso cheio e satisfeito!
    Oque me faz lembrar de uma canção de uma admirada cantora que diz: "Como ouvirão se não há quem pregue? e como pregar se ninguem se dispõe a ir? EIS ME AQUI, SENHOR, EIS ME AQUI EU VOU", musica que eu particularmente gosto muito, mais falando dessa realidade..SERA QUE ELA VAI MESMO? PELOS CAMINHOS E VALADOS, COMO NOS MANDA NOSSO DEUS? PAGUE O CACHÊ SE QUISER VER!

    BEIJO NO CORAÇÃO
    DEUS ABENÇOE (E NOS CONSERVE BONS CRISTÃOS CHAMADOS PRA FAZER A DIFERENÇA E GANHAR ALMAS.)

    Ise carvalho

    ResponderExcluir
  46. Também fico muito triste com isso. Acho que eles nem precisariam cobrar por show, só com a venda de CDs já poderiam se sustentar. Acho que se fosse cantor nem isso faria. Faria algumas músicas "normais" e outras de louvor, e cobraria apenas pelas primeiras. O louvor eu guardaria somente para servir a Deus.

    ResponderExcluir
  47. A paz do Senhor Jesus amado irmão. Preciso de uma ajuda pois procuro uma música mas não sei o nome dela nem do cantor.
    Acho que é dos anos 90, época em que me converti. Ouvia muito pelo rádio e gostaria de poder ouvir novamente. O irmão pode me ajudar?
    A letra é mais ou mesnos assim:
    ====================================================
    O mundo de hoje não pode imaginar
    Que tudo que espero vai acontecer
    Os anjos nas nuvens preparam o lugar
    Pra ...(???)... mais lindo entoar.

    Ele Vive reina e voltará
    E me levará deste lugar.
    Ele vive reina e voltará
    E o mundo vai transformar.
    ==================================================
    A voz do cantor é meio roca, e começa com um solo de guitarra.
    Se puder me ajudar, desde já agradeço.
    Parabéns pelo site, e que Deus continue te abençoando.

    ResponderExcluir
  48. A Bíblia diz "Dai de Graça o que de graça Recebestes"
    O certo e que os cantores Gospel cantem com o prósito de Adorar a Deus e Tocar as vidas através dos seus lovores Levando JESUS ás pessoas
    O dinheiro com a venda de cds ou Cahês Deve ser investdo na Obra de Deus
    e no Próprio Ministério Deles ( Equipamentos, Intrumentos e e.tc )
    se sobrar um pouquinho eles ficam pra ajudar nas suas despezas Pessoais se for o caso

    ResponderExcluir
  49. se jesus fosse como esses pilantras estavamos perdidos,so cantam e pregam por dinheiro,isso nao e cristianismo,e os dodoi que diz para nao criticar estao apoiando o pecado dessa raça de vendilhoes,oque essa gente faz nao e cristianismo.para esses vendedores da graça e o texto de s.marcos 16 v 15 deve ser um terror!porque manda pregar o evangelho a toda criatura e isso para esses pregadores e impossivel pois existem criaturas que nao podem pagar!nao comfundar viver do evangelho com a exploraçao vergonhosa.

    ResponderExcluir
  50. CANTORA GISELE DUARTE4 de abril de 2012 13:53

    COM CERTEZA CONCORDO COM MUITOS COMENTÁRIOS FEITOS AQUI SOBRE OS VALORES EXCESSIVOS, SOU CANTORA, GRAVEI MEU CD COM MUITO ESFORÇO PORQUE ERA MEU SONHO E GRAÇAS A DEUS TENHO VIAJADO PELO BRASIL DIVULGANDO MEU TRABALHO,E TENHO COBRADO SIM UMA QUANTIA DEUNS 15 CDS VENDIDOS POR NOITE, POIS DEIXO MEU LAR MEU MARIDO E AINDA TRABALHO DENTRO DA MINHA CASA, TABM DEIXO MEU TRABALHO E COM MUITO AMOR VOU LOUVAR AO MEU DEUS, PEÇO PARA A IGREJA QUE ME CONVIDOU PAGAR A VIAJEM POIS SE ELES GOSTAM DE OUVIR MEUS LOUVORES NÃO HA NADA DE MAIS CREIO EU NÃO ESTOU COBRANDO PARA LOUVAR A DEUS EM NENHUM MOMENTO DOU MEU DÍZIMO E CREIO QUE DEUS TEM ME HONRADO AONDE QUER QUE EU VOU AGRADEÇO A DEUS POR TER ME PERMITIDO ANDAR POR ESSE NOSSO PAÍS FALANDO, CANTANDO, LOUVANDO ENGRANDECENDO O NOME DELE PENA QUE MUITO SE DEIXAM LEVAR E COMEÇAM A COBRAR UM VALOR EXORBITANTE MAS SAIR DA CASA DA GENTE GASTAR COM CARRO, COMBUSTÍVEL,COMIDA E ETC E NÃO PEDIR NENHUMA AJUDA NOS GASTOS DEPOIS FICAR DEVENDO NA PRAÇA E DIZER QUE ESTÁ FAZENDO A OBRA AÍ SIM FICA FEIO

    ResponderExcluir
  51. O pior de tudo ainda tem os CDs que é um preço absurdo, acho que só com a venda dos cds dá para eles viverem, tem uns cds que é mais caro do que o cd de música mundana. Tem irmão que não tem condições de comprar um cd gospel.

    ResponderExcluir
  52. Engraçado tais comentários feitos por meu querido amigo, a respeito de cantores gospel que ganham caches com os shows que fazem.
    Tenho perguntas: Procuraram saber da vida de cada um? Do que é que eles vivem? e os cantores mundanos porque ganham milhões de reais para fazerem shows, sera que os mesmos levam em conta a pobreza do País? e Porque o meu amigo Renato tem que falar só de cantores Gospeis, e não de cantores mundanos que as vezes cobram absurdos para um show, que ocorre brigas, mortes, separações de família, traduzindo tudo, artes satânicas? É melhor eles tocarem usando o nome de Jesus ou usando o nome do diabo? E você Renato se fosse algum cantor e tivesse de viver só de shows, iria fazer só de graça e contratar músicos só de graça, e palcos de graça, e entrada de graça, alimento de graça manter sua família sem ganhar nada de shows.

    Tenha santa consciência meu amigo, e cuidado ao falar dos cantores gospel. A Palavra de Deus diz que uma folha de uma árvore não cai se não for da sua permissão. E se Deus permitiu isso na vida dos cantores gospel, vá falar isso com Jesus ok? cuidado que quem meche com fogo se queima, seu insensato.

    Deus te abençoe e grande abraço.

    ResponderExcluir
  53. Senhor Luciano,

    Isso é uma ameaça?

    Pr. Renato vargens

    ResponderExcluir
  54. O comentarista afirmou: "e porque o meu amigo Renato tem que falar só de cantores gospeis, e não de cantores mundanos..." Com todo respeito, caríssimo, mas todo seu argumento em defesa dos cantores gospel em detrimento do texto escrito pelo pastor Renato constitui uma falácia. De veras, completamente insustentável! Acredito que o pastor não falou de cantores mundanos cobrando fortunas e promovendo shows que muitas vezes são palcos de violência, sexo ilícito etc, porque o problema maior está no fato de cantores evangélicos, isto é, de cantores que afirmam terem sido salvos por Jesus, terem a mesma ganância, soberba e vaidade que os cantores seculares têm. Afinal, pergunta-se: se são novas criaturas, por que APARENTAM amar o dinheiro?
    O senhor Luciano disse também: "E você Renato se fosse algum cantor e tivesse de viver só de shows, iria fazer só de graça e contratar músicos só de graça, e palcos de graça, e entrada de graça, alimento de graça manter sua família sem ganhar nada de shows?" Pelo que entendi do texto do pastor Renato, não houve crítica quanto ao fato de um cantor gospel receber dinheiro pelo seu trabalho. Ora, não há nada errado em viver recebendo pela venda de cds, não é? Mas as perguntas são: por que tudo tem que ser tão caro? Por que existe tanto glamour nesses shows? Aliás, por que são chamados de show e não pelo que deveria ser? O ponto errado, meu caro, é que argumentar dizendo que para Deus tem de ser o melhor, não procede, porque o melhor para Deus não necessariamente está ligado ao brilho, ao som espetacular, ao palco gigante, bem montado e iluminado, em outras palavras, não está ligado ao que é material.
    É ridículo quando um cantor não precisa gravar um dvd num local grande, por exemplo, e que por lógica requer uma maior produção, mas bate o pé querendo fazê-lo com a desculpa de que para Deus o melhor é necessário, quando acredito piamente que Deus está pouco se importando se no lugar cabem 5 ou 30 mil pessoas, se o som está perfeito, se há telões por toda área, se as roupas e o visual do "levita" estão irretocáveis etc. Pode haver tudo isso e Deus pode estar simplesmente de costas para esse evento. Por quê? Porque muitas vezes todo esse glamour não esconde as heresias entoadas nas letras, nem a vaidade tanto dos intérpretes quanto do público que não notam que Deus não recebe glória quando algo com aparência de santidade está sendo feito.
    Em suma: o problema não é receber por ser um cantor da casa de Deus, mas querer viver uma vida de luxo regadas de regalias com a desculpa de que para Deus deve-se fazer o melhor. Estou usando muito uma frase ultimamente que parece ser uma excelente conclusão para meu posicionamento: UMA COISA É UMA COISA, OUTRA COISA É OUTRA COISA! risos.
    Na paz.

    ResponderExcluir
  55. O comentarista afirmou: "e porque o meu amigo Renato tem que falar só de cantores gospeis, e não de cantores mundanos..." Com todo respeito, caríssimo, mas todo seu argumento em defesa dos cantores gospel em detrimento do texto escrito pelo pastor Renato constitui uma falácia. De veras, completamente insustentável! Acredito que o pastor não falou de cantores mundanos cobrando fortunas e promovendo shows que muitas vezes são palcos de violência, sexo ilícito etc, porque o problema maior está no fato de cantores evangélicos, isto é, de cantores que afirmam terem sido salvos por Jesus, terem a mesma ganância, soberba e vaidade que os cantores seculares têm. Afinal, pergunta-se: se são novas criaturas, por que APARENTAM amar o dinheiro?
    O senhor Luciano disse também: "E você Renato se fosse algum cantor e tivesse de viver só de shows, iria fazer só de graça e contratar músicos só de graça, e palcos de graça, e entrada de graça, alimento de graça manter sua família sem ganhar nada de shows?" Pelo que entendi do texto do pastor Renato, não houve crítica quanto ao fato de um cantor gospel receber dinheiro pelo seu trabalho. Ora, não há nada errado em viver recebendo pela venda de cds, não é? Mas as perguntas são: por que tudo tem que ser tão caro? Por que existe tanto glamour nesses shows? Aliás, por que são chamados de show e não pelo que deveria ser? O ponto errado, meu caro, é que argumentar dizendo que para Deus tem de ser o melhor, não procede, porque o melhor para Deus não necessariamente está ligado ao brilho, ao som espetacular, ao palco gigante, bem montado e iluminado, em outras palavras, não está ligado ao que é material.
    É ridículo quando um cantor não precisa gravar um dvd num local grande, por exemplo, e que por lógica requer uma maior produção, mas bate o pé querendo fazê-lo com a desculpa de que para Deus o melhor é necessário, quando acredito piamente que Deus está pouco se importando se no lugar cabem 5 ou 30 mil pessoas, se o som está perfeito, se há telões por toda área, se as roupas e o visual do "levita" estão irretocáveis etc. Pode haver tudo isso e Deus pode estar simplesmente de costas para esse evento. Por quê? Porque muitas vezes todo esse glamour não esconde as heresias entoadas nas letras, nem a vaidade tanto dos intérpretes quanto do público que não notam que Deus não recebe glória quando algo com aparência de santidade está sendo feito.
    Em suma: o problema não é receber por ser um cantor da casa de Deus, mas querer viver uma vida de luxo regadas de regalias com a desculpa de que para Deus deve-se fazer o melhor. Estou usando muito uma frase ultimamente que parece ser uma excelente conclusão para meu posicionamento: UMA COISA É UMA COISA, OUTRA COISA É OUTRA COISA! risos.
    Na paz.

    ResponderExcluir
  56. Pr. Renato, parabéns mais uma vez! Nao devemos nos conformar com esse mundo.

    ResponderExcluir
  57. Pr parabéns! Em frente que Jesus esta voltando. Nao se cale nao nunca, esse e seu papel exortar e alertar. O Sr esta cumprindo seu ministério e nao em cima do muro.
    Amo você e sua família.
    Saudades
    Alex Adriane e família

    ResponderExcluir
  58. Pr. Renato Vargens: Meu nome é Roberto Nascimento, lhe presenteei com um Cd da minha banda, N´Bless, e sou o camarada que foi te buscar no Aeroporto de Londrina, ano passado, para uma palestra sua no Unijea, em Assis, presidido pelo meu filho Fernando de Freitas Nascimento. Permita-me discordar em parte de suas colocações e fazer alguns comentários.
    1) É preciso, primeiramente, fazer uma distinção entre os tais "adoradores" e os artistas da área gospel.
    Entre a adoração no culto e o entretenimento gospel.
    Os "adoradores" geralmente são colaboradores da igreja, alguns não muito talentosos, que congregam na igreja e dão o seu "melhor" no culto, cantando, tocando, etc. Mas não se fie muito na tal "adoração", porque, apesar de descer o cacete num Regis Danese ou André Valadão da vida, tudo o que a maioria deles gostaria é de estar no lugar de algum deles, apesar de seus CDs mal produzidos e de baixíssima qualidade. Falam mal sem ter conhecimento de causa.
    Já os artistas gospel se prestam ao entretenimento gospel que, queiramos ou não, existe sim, porque a juventude (e não só a juventude) cristã quer ter , sim, sua balada, seu entretenimento, enfim, quer "ferver".
    Neste contexto - e falando do último show que assisti - R$ 40.000,00 foi um preço absolutamente justo. Veja bem, não era um culto. Era um show num ginásio (Marilia-SP) onde umas 8.000 pessoas pagaram R$ 40,00 cada uma, para assistir ao Thalles. Bem, Thalles chegou - atrasado - e durante 2 horas cantou os seus sucessos, que eram gritados em uníssono por 7.999 pessoas (gostei do show, mas , nos meus 52 anos, consigo sentir saudade da Banda Rara, Kadoshi e da minha própria ex-banda, mas não gritar loucamente como se fosse jovem - mas não condeno.
    Pois bem: o faturamento bruto do show deve ter beirado uns R$ 300.000,00. Só os teclados do músico do Thalles (Nord, Korg, etc.) deviam custar uns R$ 20.000,00. Todos músicos de primeiríssima linha, hiper bem-equipados. A equipe do Thalles deve ter umas 8 pessoas, entre operadores de som, roadies, etc.
    Uma verdadeira super-estrutura, em função do sucesso que o Thalles vem fazendo. Diga-se de passagem que no mais importante - a pregação - Thalles arrasou. Muitas, mas muitas mesmo pessoas se entregaram a Jesus ou se reconciliaram.
    Não concordaria com a cobrança se Thalles tivesse cantando na igreja onde congrega, ou numa que quisesse fazer uma visita, etc., desde que NÃO HOUVESSE cobrança de ingresso, fosse um culto aberto ao público (haja igreja para caber tanta gente...rs).
    Mas, em se tratando de evento PAGO, cada um que cobre o que acha que vale o seu trabalho , com a óbvia concordância do contratante, que lucrou MUITO.Pessoas como Aline, Fernanda Brum, Thalles e outros ralaram muito - na minha opinião- para que outros venham querer colocar preço em seu trabalho.
    SÓ NÃO VALE aquela lenga-lenga de "adoradores", "vim aqui só pra Te servir e Te adorar", "missões" e aquela bobageira toda. São artistas, de um ramo muito lucrativo (gospel), fazem seu (bom) trabalho e recebem por isto, Simples assim.

    ResponderExcluir
  59. Sabe o que eu acho que voces deveriam ir cuidar da vida de voces' nao importa quanto eles cobram ,
    mew eles sao cantores voces acham mesmo que so porque eles sao evangelicos vao fazer as coisas de graça' se liga...
    como e que eles vao viver de vento' nossa pelo amor de Deus neh' nao tem oque fazer mesmo' se ta achando ruim... vira cantor e faz shows de graça pra todo mundo sem reclarar' .....afffs voces nao tem mesmo o que fazer neh' Acho bom voces tomarem cuidado ao falar mal de um filho de Deus' quem vao passar vergonha vao ser voces e nao eles'
    pelo menos eles estao fazendo a parte deles e isso e oque importa' nao o cache'
    e voce esta fazendo oque falando mal deles neh' so isso que voce sabe fazer de bom'

    ResponderExcluir

Caro leitor,

(1)Reservo o direito de não públicar criticas negativas de "anônimos". Quer criticar e ter a sua opinião publicada? Identifique-se. (2) Discordar não é problema. É solução, pois redunda em aprendizado! Contudo, com educação. Sem palavrão! (3) Ofereça o seu ponto de vista, contudo, a única coisa que não aceitarei é esta doutrina barata do “não toque no ungido” do Senhor. Querendo aprender sobre o direito de julgar, leia estes artigos:

Não julgueis para que não sejais julgados. Como é isso?

Julgando os críticos ou criticando os juízes?

O conselho de Gamaliel e o pensamento Cristão

Nele,

Renato Vargens