sexta-feira, dezembro 07, 2018

UM CASAL CRISTÃO PODE SE SEPARAR POR INCOMPATIBILIDADE DE GÊNIOS?



Volta e meia eu ouço alguém dizendo: "A gente não se bica, rola até um tipo de química sexual, mas, discutimos muito, tudo bem que somos cristãos, mas, o que adianta discutirmos o tempo todo, não é melhor o divórcio?

Não. Não é. As Escrituras dizem que Deus odeia o divórcio, (Ml 2:16) Ademais, ela não dá margens para que a chamada "incompatibilidade de gênios" separe um casal que se diz cristão proporcionando a ele um novo casamento. Lamento afirmar que aqueles que separam por esse motivo e casam-se novamente, encontram-se diante de Deus em adultério, pecando portanto contra o Senhor e sua Palavra.

O que fazer então? O casal tem viver por toda a vida infeliz? Não. Claro que não. À luz da Palavra de Deus, e mediante de graça de Cristo, o casal pode superar as crises, aprendendo a conviver de forma saudável onde o amor e o respeito prevalecem sobre a discórdia.

Renato Vargens
HP disse...

E quando respeito e amor já não existe?
Quando as crises não terminam, mas só são atenuadas com pequenas tréguas de "silêncio"?

Esse relacionamento ainda é considerado Casamento só porque continua assinado num papel ou porquê foi afirmado diante de Deus que seria um Casamento, mas que faliu?

favourite category

...
ministério pastoral

Whatsapp Button works on Mobile Device only