PT, o início do fim. Um dia histórico que jamais será esquecido



O fato da Presidente da República ter sido eleita com 54 milhões de votos não concede a ela o direito de burlar as leis. Dilma Rousseff cometeu crime de responsabilidade fiscal e por isso justamente recebeu da câmara dos deputados a maioria dos votos a favor do seu impeachment. Ademais o seu partido institucionalizou a corrupção tornando-se assim o partido mais corrupto da história da República. Além disso, o fundador, do PT o ex-presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, envolvido em todo tipo de sujeira, mostra-nos com todas as letras que o partido dos trabalhadores é uma ORCRIM que tem por finalidade o aparelhamento do Estado bem como a implementação de valores contrários a vida, família e a democracia. 

Ontem, a República Federativa do Brasil viveu um dia histórico. A Câmara de Deputados, representando a esmagadora maioria da população brasileira, disse sim a democracia e não a Dilma e ao PT.  

17 de abril, ficará marcado na história como o início do fim do PT. Hoje, O Partido dos Trabalhadores começou a ser retirado do cenário nacional. No domingo a esperança renasceu no Brasil. No domingo a mudança começou. Alias, é tempo de mudança, basta de corrupção, basta de esquerdismo, basta de PT. 

Por fim afirmo que o  Impeachment da presidente Dilma é só o começo. O Brasil exige que além dos componentes desta ORCRIM envolvidos em corrupção sejam cassados e presos. Que sejam punidos e os políticos envolvidos no lava-jato. Que Cunha seja destituído e punido pela corrupção e que o Brasil seja passado a limpo. 

Renato Vargens

0 comentários: