Constatações que fiz ao ouvir uma rádio evangélica

Por Renato Vargens

Depois de um bom tempo sem ouvir rádios evangélicas, decidi sintonizar o dial em uma delas. Na verdade, resolvi ouvir as 10 canções mais pedidas pelos ouvintes de uma rádio muito conhecida no Rio de Janeiro. 

Pois bem, cuidadosamente ouvi todas os "louvores" o que me levou as seguintes constatações:

1- 90% das canções tocadas eram antropocêntricas, isto é, a maioria delas não tinha por objetivo a glória de Deus e sim a satisfação do homem. Entre as músicas cantadas encontrei, louvores para uma mãe, decretos e determinações espirituais, além de letras desprovidas de boa teologia, onde foco principal era a satisfação humana.

2- As composições eram extremamente sofríveis. Isso sem falar que em algumas delas, os cantores cantavam como se fossem Deus, profetizando na primeira pessoa do singular bênçãos e mais bênçãos sobre todos aqueles que ao Senhor louvasse.

3- Os ritmos musicais eram pobres. As músicas com poucas notas e as melodias sofríveis.

4- O marketing feito em nome do "artista" era  aviltante, isso sem falar é claro, na grande ênfase as bênçãos do Eterno.

Bom, não posso ser injusto, dentre as 10 músicas tocadas, ouvi uma linda canção entoada por Aline Barros e Fernandinho, chamada " Rendido estou" que muito me tocou.

Caro leitor, isto, posto, afirmo sem titubeios que bom seria se as músicas ministradas em nossas rádios fossem diferentes daquilo que temos ouvido. Que maravilha se as músicas cantadas fossem mais cristocêntricas!

Ah! Anseio por ouvir louvores focados em Cristo, por músicas com boas letras, com melodias e com harmonias enriquecidas pela graça de Deus. Anseio por ver como tema das nossas canções, a doutrina  da regeneração,  a volta do Senhor, a doutrina da eleição, santificação, e a justificação pela fé.  Ah! Anseio por ver a igreja brasileira cantando as doutrinas da graça, e a louca porém vitoriosa verdade da cruz.

Que Deus nos ajude!

Renato Vargens

14 comentários

  1. Concordo, pastor Renato! Fique na paz!

    ResponderExcluir
  2. Considere então que a única canção que te tocou (linda) não é de autoria tupiniquim, mas uma versão do Hillsong United... O Brasil está pobre de composições cristocêntricas, jovem como sou me abstenho da rádio e busco nos mais velhos fontes de louvores mais confiáveis! Abraços!

    ResponderExcluir
  3. Com certeza, Pr Renato. E o pior, essas canções que se destacam em conteúdo são na esmagadora maioria traduções. Precisamos resgatar as composições bíblicas nacionais! Que o Senhor nos ajude!

    ResponderExcluir
  4. Caro pastor Renato, a paz do Mestre!

    Concordo com o senhor. Infelizmente, estamos vivendo tempos trabalhosos em "nossas" igrejas.

    O que mais me entristece é que, apesar de muitas pessoas serem advertidas quanto a diluição espiritual existente nessas músicas, continuam as ouvindo e as defendendo...

    Em Cristo,

    JPMS

    ResponderExcluir
  5. a Paz amado;

    aqui neste site irás encontrar e ouvir uma radiocristrocentrica...te garanto, não tem comercial, 24 hrs cristo...

    http://tunein.com/radio/R%C3%A1dio-BBN-%28Curitiba%29-923-s97942/

    Deus o abençoe

    ResponderExcluir
  6. É a mais pura verdade!
    Uma coisa que também tem me angustiado muito, é esse louvor "umbigocêntrico" que nada tem a ver com o louvor que a palavra de Deus ensina!

    Boa observação!

    God bless you!

    Microscopicamente (João 3.30),

    Walter Filho

    http://blogdowaltim.blogspot.com

    PS.:Convido o senhor pr. Renato,a visitar meu blog e ver minha última postagem "Mensagem subliminar as avessas", Shalom!

    ResponderExcluir
  7. Estou há mais de 10 anos sem ouvir e não pretendo ouvir nos próximos 100.
    Depois disso, talvez eu repense minha atitude.
    Detalhe: Sou apaixonado por música cristã boa.

    ResponderExcluir
  8. Música cristã de qualidade não possui muito espaço na nossa mídia "gospel", querido pastor, infelizmente.

    ResponderExcluir
  9. Pastor, a música que o senhor achou linda tratasse de uma versão fraquíssima de uma banda estrangeira.

    Que falta faz em nosso meio gente que esteja disposta a louvar a Deus com excelência usando a nossa cultura.

    ResponderExcluir
  10. Thiago,

    Ouvi a canção em inglês e ela é muito melhor que a versão em português.

    Abraços,

    Renato Vargens

    ResponderExcluir
  11. Infelizmente a coisa esta daí para pior, canções Cristocêntricas tem poucos que cantam e um deles é o Claudio Claro e Tabernáculo de Davi e o Daniel Souza de Santos, grande abraço
    Carlos Rizzon

    ResponderExcluir
  12. Então galera, peguem a letra dessa canção que é segundo o Allan "uma versão do Hillsong United", com calma e analisem esta parte “Meus momentos e os dias meus. Meu respirar e meu viver.
    Que sejam todos pra ti oh Deus”. Isso não passa de uma grande mentira, nós enquanto nesse corpo jamais faremos isso que o autor declara e tem mais que não vou citar cada um faça sua análise da letra repetitiva. Também é uma letra que aponta para o homem, apesar de falar em Deus e no Filho.

    Luís

    ResponderExcluir
  13. concordo contigo, eu ouço muita musica, mas não ouço radio, ouço mais pg, frenandinho, oficina g3 , conheço algumas musicas que os cantores falam como se fossem Deus, mas cristocentricas (te escolhi[p/ escolhidos desviados], eu espero[desviados], Eu Sou[adoração], incondicional[amor de Deus], e com certeza não para por aí) gosto dessas musicas, ouço, mas temos que tomar cuidado com a profundidade dessas letras.

    ResponderExcluir
  14. ESSES DIAS ESTAVA OUVINDO O GRUPO "VENCEDORES POR CRISTO"

    QUE CANÇÕES MARAVILHOSAS

    http://www.youtube.com/watch?v=lWA3Dm7nADk

    ResponderExcluir

Caro leitor,

(1)Reservo o direito de não públicar criticas negativas de "anônimos". Quer criticar e ter a sua opinião publicada? Identifique-se. (2) Discordar não é problema. É solução, pois redunda em aprendizado! Contudo, com educação. Sem palavrão! (3) Ofereça o seu ponto de vista, contudo, a única coisa que não aceitarei é esta doutrina barata do “não toque no ungido” do Senhor. Querendo aprender sobre o direito de julgar, leia estes artigos:

Não julgueis para que não sejais julgados. Como é isso?

Julgando os críticos ou criticando os juízes?

O conselho de Gamaliel e o pensamento Cristão

Nele,

Renato Vargens