Morreu Whitney Houston

Por Renato Vargens

Morreu Whitney Houston. Uma das vozes mais bonitas  que já ouvi, cessou de cantar na tarde deste sábado. 

Vez o outra eu gostava de ouvi-la cantar. Seu timbre diferenciado, sua voz afinada me emocionavam profundamente. 


Segundo a imprensa, na última quinta-feira, Whitney pareceu completamente transtornada ao sair de um clube noturno, em Los Angeles. A cantora tinha se apresentado mais cedo, numa participação relâmpago no show acústico de Kelly Price. Mas ao sair da boate, a cantora estava abatida, zangada e com os olhos turvos.

O Jornal O Globo publicou que Whitney dava sinais de que continuava lutando contra os problemas causados pelo consumo de álcool e drogas. De acordo com fontes do tabloide "The Sun", a diva do soul e do R&B, estaria à beira da falência. Embora apoiada por sua gravadora, Whitney e corria o risco de perder a mansão avaliada em quase US$ 6 milhões, em Nova Jersey. Whitney teria que vendê-la para pagar parte de processos que envolviam pagamentos de hipotecas em atraso e impostos.

No seu auge nas décadas de 1980 e 1990, Houston a menina de ouro da indústria da música e um dos melhores do mundo de venda de artistas. Entre seus hits de maior sucesso estão "How Will I Know",'' Saving All My Love for You "e" I Will Always Love You". Ela ganhou dezenas de Grammys, incluindo álbum e música do ano. Seu sucesso levou-a para as telas do cinema, onde atuou em filmes como "O Guarda-Costas", com Kevin Costner.

Lamentavelmente o uso de drogas cobrou seu preço. 

Do fundo do meu coração eu espero que ela tenha no fim da sua vida encontrado com Cristo.

Veja abaixo um vídeo com uma coletânea de canções gospel cantada pela cantora, como também uma das mais espetaculares interpretações da cantora entoando "I love the Lord".

Com tristeza!

Renato Vargens





11 comentários:

Tudo que ela fez m sua vida foi desonrar Deus, pois nunca lhe honrou!

12 de fevereiro de 2012 06:46 comment-delete

Joel,

Muito forte essa sua afirmação. Desculpe, mas vc não possui autoridade para afirmar isso. Somente o Deus que sonda os corações tem poder para fazê-lo.

Abraços,

Renato Vargens

12 de fevereiro de 2012 08:54 comment-delete

Pr. Renato

Quem sou eu pra afirmar que ela foi justa diante de Deus, ou que está no céu ou no inferno, mas a árvore se conhece pelos frutos! Ela cantou em boates e fez shows mundanos durante sua vida! "Por seus frutos os conhecereis. Porventura colhem-se uvas dos espinheiros, ou figos dos abrolhos?
Assim, toda a árvore boa produz bons frutos, e toda a árvore má produz frutos maus.
Não pode a árvore boa dar maus frutos; nem a árvore má dar frutos bons.
Toda a árvore que não dá bom fruto corta-se e lança-se no fogo.
Portanto, pelos seus frutos os conhecereis."

Mateus 7:16-21

12 de fevereiro de 2012 10:37 comment-delete

Essa é a primeira vez que discordo do senhor!

12 de fevereiro de 2012 10:40 comment-delete

Renato não seu ninguem para poder afirmar, mas não é possível que uma voz tão maravilhosa como esta, não seja para Honra e Gloria do Nosso Deus, que voz, que unção, não sei como foi seus últimos dias, mas sem dúvida é uma grande perda para a música, espero em Deus, que sua misericórdia à tenha alcançado.

12 de fevereiro de 2012 12:00 comment-delete

Joel,

A tarefa de separar o "joio" do "trigo" não cabe aos seres humanos. Tal tentativa não passa de presunção religiosa, cujo intuito é arrogar-se como detentora da verdade. A salvação é para aqueles que clamarem o nome do Senhor e tal clamor é obra do Espírito Santo na vida do individuo. Quando Jesus disse que nem todos os que dizem Senhor, Senhor entrarão no Reino dos Céus, ele dirigiu tais palavras a religiosos; é válido lembrar disto também. E mais, a santidade sem a qual ninguém verá o Senhor é obra divina e não humana. Portanto, cada um examine-se a si mesmo."

Abraços,

Renato Vargens

12 de fevereiro de 2012 12:10 comment-delete

Pr. Renato. Sinto pela morte de Whitney. Tanto talento, tanta beleza... Assim como outros grandes cantores como Elvis Presley, ela teve algum conhecimento do evangelho. Espero que tenha sido o suficiente para encontrar-se com o nosso Deus. Um abraço.

12 de fevereiro de 2012 13:32 comment-delete

Concordo com sua opinião não estamos dizendo que ela deseu para o inferno e nem que subia para o céu apenas está constatando um fato que ninguém pode negar ela não teve uma vida cristã pelo contrário...

13 de fevereiro de 2012 14:28 comment-delete

Tanto a Withney Houston, tanto o Joel, quanto o pastor Renato, quanto eu mesmo...

nós temos mais motivos de ir para o inferno do que ir para o Céu.

Mas só temos um motivo, uma razão, e um sentido para ir ao Céu: Jesus.

E esse Jesus, ela conhecia bem.

Ela tem pecados? Eu também tenho, e você também tem.

Qual a diferença entre você e ela?

Quem te salva é Jesus, meu irmão... quem vai salvar a Withney é Jesus... se Ele não a salvar, então tá condenada... se Jesus não te salvar, você ta condenado... se Jesus não me salvar, eu to condenado...

Por isso eu só posso dizer: deposite sua esperança em Jesus...

e pelo o que a Withney conhecia... mesmo que nos últimos dias, nos últimos momentos de sua vida... Jesus ainda é capaz de salvá-la.

Amem?

Sem julgamentos, por favor... SOMOS TODOS PECADORES E ESTAMOS TODOS LONGE DA GLÓRIA DE DEUS!

13 de fevereiro de 2012 17:24 comment-delete

Eu sinto muito, pela morte dela. Eu sinto uma profunda tristeza por aqueles que morrem sem DEUS. SEnti tristeza pela morte do Wando, pela morte do Michael Jackson, pela morte de tantos outros, quando morrem sem JESUS e sem DEUS. Eu só tenho a lamentar. Nós só temos a lamentar, por que isso significa que nós não estamos fazendo o nosso melhor para DEUS, permitindo que tantos morram sem ouvir falar DELE.

14 de fevereiro de 2012 16:43 comment-delete

Poderia ter sido eu. E só DEUS seria capaz de dizer se eu seria merecedor de entrar no paraiso celestial. Vamos para de julgar.

VAMOS NOS CONVERTER!!!!

14 de fevereiro de 2012 16:44 comment-delete