sexta-feira, abril 15, 2011

O missionário que se dane!

Por Renato Vargens

Certa vez um irmão em Cristo compartilhou comigo dizendo:  Fulano virou missionário pois não tinha competência para conduzir uma igreja.  Em uma outra ocasião um pastor amigo afirmou que na sua percepção  as mulheres vocacionadas ao ministério que  não se casam, não possuem  outra opção na vida a não ser virarem missionárias.

Pois é, parece que parte da igreja evangélica brasileira considera o trabalho missionário, como inferior. Isto se percebe nitidamente na forma de tratamento que o missionário recebe, isto sem falar é claro, nos baixos salários que  lhes são pagos.

O descaso com que algumas igrejas tratam os seus missionários é impressionante. Basta a crise bater a porta que a primeira coisa a ser cortada é o salário do obreiro.  Lamentavelmente nas reuniões de ministério, conselhos, ou assembléia, volta e meia aparece alguém dizendo: “pra que mandar esse dinheiro todo para o missionário? Não temos condições! Nossas contas estão elevadíssimas, precisamos cortar gastos.”  

Caro leitor vamos combinar uma coisa? Além de pagar mal (porque missionários na maioria das vezes recebem esmolas e não salários) a igreja ao enfrentar  uma crise financeira quer diminuir o salário do missionário? Por favor responda sinceramente: Seria isto justo? Por acaso o missionário não tem contas à pagar? Não possui  aluguel, não tem  que comprar alimentos,  pagar a escola  dos filhos, vestir-se, comprar remédios? 

Pois é, o problema é que boa parte da igreja tá se lixando para os missionários e suas missões. Infelizmente,  não são poucos que diante da falta de recursos por parte da igreja são obrigados a desisitir dos seus projetos, retornando ao país de origem. 

Prezado amigo, assusta-me o fato em saber que a Igreja de Jesus gasta milhões de reais anualmente embelezando seus templos enquanto quase nada se faz em prol do trabalho missionário. Para piorar a situação, em nome de uma visão megalomaniaca pastores investem os recursos do Reino comprando carros, helicopteros e aviões, cujo benefício é nada mais , nada menos do que o seu próprio bem estar.

Não me admiro em saber que no mundo inteiro a tarefa da Grande Comissão ainda esteja por se realizar! Cerca de  90% do dinheiro  arrecadado na igreja é investido na própria igreja, sete por cento em iniciativas evangelísticas onde o evangelho já foi pregado antes, e apenas três por cento em iniciativas missionárias para aqueles povos que nunca ouviram o evangelho. 

Isto posto, penso que a Igreja de Cristo precisa rever seus conceitos quanto ao seu investimento no trabalho missionário. Em minha caminhada pelo mundo, tenho conhecido gente santa e compromissada com o Evangelho da Salvação Eterna, e que por amor ao Pai, saíram de seus países , indo para a Amazônia, Africa, Ásia, Peru, Haiti e centenas de outros lugares mais, cuja paixão é o de anunciar o Desejado das nações. 

Diante disto, afirmo sem titubeios que  pessoas  deste quilate , não devem ser tratadas com desprezo e indiferença, antes pelo contrário, devem receber por parte da igreja brasileira todo apoio possivel, o que inclui investimento financeiro.

Pense nisso!

Renato Vargens
Izaldil Tavares de Castro disse...

Caro pastor Renato Vargens,
Excelente matéria! De fato, pouco interesse se vê na manutenção do trabalho missionário. Isso espanta vocações, pois ninguém quer, por si mesmo, abandonar "casa, pai, mãe, família...", para não poder sobreviver em terra estranha. Também é fato que as igrejas estão mais preocupadas com seus aparelhos de som, cadeiras estofadas, bebedouros com água filtrada,cantina para se saborear um cafezinho, encontros de casais (para fazer festa!). Enquanto isso, o mundo se afunda no pecado e na ignorância do Reino.

Anônimo disse...

como missionaria fora do brasil, quero agradecer ao irmao as palavras bem colocadas aqui. Deus o abencoe.

Uian Sol disse...

Certa vez um primo meu (muito capacitado, tendo passado por um dos melhores seminários do pais e mestrado e ciências da religião) teve que escultar de "um cristão bem instruido" algo como:
- Mas você já tem 10 anos de pastoreio e é tão capacitado para ser missionário. (Quando soube da decisão de meu primo de ir para o campo.)

O SENHOR tenha misericórdia da igreja do Brasil, e de mim que quero ir para o campo.

Guilherme disse...

Estive por 1,5 anos em JOCUM, me preparando para o campo missionário, com planos para ingressar em outra organização a fim de manifestar o reino de Deus com os dons e talentos que ele me deu na área da aviação. Contudo, voltei desencorajado ao ver que muitos de minha igreja investiam sem preocupação R$ 250,00 por pessoa para um acampamento em um hotel, enquanto eu e outros amigos precisava de ajuda. Ficávamos, muitas vezes, sem dinheiro para andar de ônibus ou comprar remédios e outras coisas essenciais... Enquanto isso, em apenas um final de semana, a igreja arrecadava o equivalente a R$20.000,00 com o acampamento (é só multiplicar R$ 250,00 por 80 pessoas). É uma triste realidade, mas a igreja investe e ensina seus membros a investir somente em causa própria.

Jaqueline Graziela disse...

Mas triste ainda é quando um jovem (testemunho próprio) resolve realmente enfrentar essa realidade e se dedicar a obra, sabendo que a ´satisfação espiritual vai além das dificuldades, e escuta o desistimulo da sua própria família:

-Você tem certeza que enfrenta? Não é pra qualquer um não viu? Não é brincadeira, tem que estar disposto a sofrer.
Todos ~só pensam na dificuldade mas ninguém pensa na necessidade, de quem se não formos as pedras vão clamar.. não hoje em dia é mais fácil que os perdidos nos procurem na nossa comodidade.

Ótimo post. Deus nos disperte.

Anônimo disse...

Muito dinheiro gasto entretendo bodes...

Enquanto as ovelhas ... morrem de fome.

Raphael Amin

Wederson Sales disse...

A paz amado irmão em Cristo! É lamentável que muitos cristãos (não de forma geral), tem alimentado esse pensamento e difundido essa mensagem do inferno, pois muitos deram suas vidas para que a fé que temos hoje fosse acessível à muitas nações, povos, etnias e culturas. Sou missionário e sei como é de fato essa realidade, inclusive tive experiências semelhantes com respeito ao meu chamado e vocação. Mas o que tenho percebido é que essa "massa fermentada" na verdade têm sido refém da sua própria inércia no ministério, e uma frustração por não conhecer o ideal de Deus para suas vidas. Então, quando alguém não faz nada em benefício do Reino de Deus, fica criticando aqueles que renunciam sua zona de conforto para obedecer a voz do SENHOR. Pessoas assim não dão fruto e não tem contentamento na obra de Deus, devemos orar e abençoá-las e pedir a Deus que mude sua visão condicionada pelo humanismo e materialismo. Uma vez estive no trabalho de um irmão, e outro "cristão" lhe disse: -Vamos logo almoçar aquela picanha, não sou missionário para comer ovo! Fiquei triste por essa colocação e o irmão me conhecia, mas no mesmo instante ouvi o Espírito de Deus dizendo em meu coração "Quem não tem visão de Reino nunca entenderá o chamado missionário na vida de alguém, até que ele mesmo experimente em sua vida". Jesus disse: - A Seara, na verdade, é grande, mas os trabalhadores são poucos. Rogai, pois, ao Senhor da seara que mande trabalhadores para sua seara. Mt 9:37-38 (Veja a nota da Bíblia de Genebra). Deus lhes abençoe!!

Sabrina Dummer disse...

Meu mais sincero agradecimento.
Ufa!

Mario Freitas disse...

Renato,
Como diretor da Missão em Apoio à Igreja Sofredora, e teu parceiro de jornada, quero agradecer o apoio. Atesto aqui que teu apoio e tua visão missionária vão muito além do blog.
NEle,
Mário

Anônimo disse...

Querido Pastor, obrigado por essa mensagem! Como missionário, sinto na pele a dor da falta de sustento o bastante para me manter estável no campo! Por isso, vivo precisando me dividir vocacionalmente entre as atividades no campo missionário e o exercício profissional docente conforme minha titulação e área de atuação. Algo bom é que, pela Graça de Deus, tenho conseguido permanecer no campo! Logo, mesmo com a pouca visão de muitos, eu e minha família temos permanecido no campo missionários por conta da fidelidade visionária dos que têm estado conosco desde que viemos ao campo juntos como família missionária! Deus supre! Deus faz! O Senhor É Fiel, sempre! E é por isso, que sigo amando missões e amando estar em missões integralmente!! Grande abraço!! =D

George Henrique disse...

Parabéns pelo post pastor, uma benção!
É uma realidade que deve ser mostrada e tratada nas igrejas, pois além de tudo o missionário é alguém do corpo da igreja que vai diretamente fazer o IDE, o qual Jesus Cristo nos ordenou.

A paz do senhor Jesus Cristo.

Evagelista Ricardo Cruz disse...

Até quando a "igreja" vai acordar e ser o que ela realmente?
Falam que estamos vivendo no grande avivamento, cadê ele?
Jesus está voltando para arrebatar a sua igreja brevemente.
Que Deus tenha misericórdia de nós...

Débora Pontes disse...

Uma vez encontrei um tio da igreja que não me via hpa muito tempo e disse a ele que eu tinha virado missionária.
Na mesma hora ele disse: - você ainda vai virar pastora, sua hora vai chegar!
Daí eu falei: - não, eu nunca vou ser pastora. Nasci pra ser missionária!
Ele: - você tem que buscar o melhor de Deus pra tua vida.
E aí ele saiu. Definitivamente, o melhor de Deus pra minha vida é ser missionária mesmo, a coisa pela qual eu mais me sinto realizada. Sem contar que todos nós deveríamos ser, ganhando salário ou não, estando em seu país ou não, exercendo a tal da "carreira profissional" ou não. Pra mim, crente que não entende o que é Missões, não entende o que é Evangelho.

Anônimo disse...

quem nao tem nada qui fazer é pra acaba msm, Deus vai castigar cada um pois faz missão quem quer ninguém é obrigado, mas si Deus manda ele provera, i por favor nao saia falando mal dos planos de Deus para a vida das pessoas ta, si vcs nao querem fazer missão o problema é de vcs, é vcs que vão paga pelo erro que estão cometendo, deixa quem quer fazer missão fazer a parte deles sem ser julgado ha e ajuda quem quer si vcs nao querem o problema é de vcs!!!!!

Unknown disse...

Louvado seja Deus! Todos fomos chamados para sermos missionários. É honra!

favourite category

...
ministério pastoral

Whatsapp Button works on Mobile Device only