Acabou o patriotismo?

Por Renato Vargens

Duas horas depois da seleção brasileira ter sido eliminada pela Holanda nas quartas de finais da Copa do Mundo da África do Sul, saí a rua. O clima na cidade era de extrema desilução, o que nitidamente se percebia no semblante das pessoas. No entanto, o que mais me chamou a atenção,  foi o fato de ver a população recolhendo dos lougradores públicos suas faixas, bandeiras e cartazes numa clara demonstração de que o patriotismo acabou.

Ué? Cadê a paixão pelo Brasil? Por acaso não eram estes que  há pouco cantavam sua paixão pela pátria com muito orgulho e muito amor?  O que será que aconteceu com o patriotismo tupiniquim? Será que se mudou para Amsterdã?

Caro leitor, infelizmente o povo brasileiro só demonstra amor pelo seu país em época de Copa do Mundo, o que demonstra nitidamente um enorme descaso por parte da maioria da população para com os rumos sociais, econômicos  e politicos deste imenso país.

Isto posto, gostaria de lembrar àqueles que "não desistem nunca", de que este ano é ano de eleição, e como tal somos responsáveis em eleger representantes honestos e decentes para os mais diferentes cargos públicos da nação. Sem a menor sombra de dúvidas esse deveria ser o momento em que toda população brasileira deveria imbuir-se de patriotismo, conduzindo aos palácios, assembléias legislativas e Congresso Nacional , pessoas capazes de dar ao Brasil o verdadeiro título de campeão

Que Deus nos ajude!

Renato Vargens

7 comentários:

Normal. hahahaha..

Daniel
2 de julho de 2010 17:31 comment-delete

Pastor Renato e Srs. leitores, cai naquilo que falo sempre, a cultura do nosso povo limita-se a: " Cachaça, samba e futebol." tudo é festa, só se procura um motivo para os bares ficarem cheios, forma-se um feriado forçado, e é isso ai, patriotismo ?????????
Gilbert Raposo, um aprendiz em Cristo Jesus.

2 de julho de 2010 17:50 comment-delete

Quem só demonstra amor pelo Brasil em época de Copa do Mundo não tem amor pelo Brasil.

2 de julho de 2010 20:01 comment-delete

São todos levados pela euforia e pela emoção, não levam em conta a razão.

3 de julho de 2010 00:42 comment-delete

Patriotismo , disciplina , memória , coinsciencia e caráter , são palavras que muitas vezes parecem não fazer parte do nosso dicionário .
Abs
Roberto Lopes

3 de julho de 2010 17:59 comment-delete

Pr Renato,
Ótimo post contudo gostaria de fazer aqui uma pequena alusão:
Assim como acima descrito, não é diferente no meio Cristão, homens e mulheres estão buscando somente "moveres do Espírito" algo momentâneo, passageiro, levados por todo e qualquer vento de doutrina, à mercê de profetadas, vivendo à satisfazer suas emoções e egos, deturpando insolitamente a Palvra, demostrando nitidamente o enorme descaso e descompromisso com a Verdade.
Poderíamos vez ou outra nos lembrar dos conselhos de Paulo a Timóteo, ou quem sabe dos bereanos ou até mesmo de JESUS:Porventura não errais vós em razão de não saberdes as Escrituras nem o poder de Deus?
Voltemos ao genuino Evangelho com consiência e total depêndencia do Espírito Santo...
Graça e Paz
Pablo

5 de julho de 2010 16:25 comment-delete

Quanto absurdo!Eu sou patriota o tempo inteiro,nao somente em Copa do Mundo de futebol,isso me ofende!E a cultura de nosso pais e muito mais do que "cachaça,futebol,samba etc

Paz!

28 de dezembro de 2012 06:38 comment-delete