A Universal do Reino de Deus e o seu evangelho de vergonha em Cabo Verde - África.

Por Renato Vargens

No final do ano passado Deus me concedeu a oportunidade de pregar o evangelho de Cristo na cidade da Praia, capital de Cabo Verde. Foram momentos preciosos onde conheci homens de Deus, membros da Igreja do Nazareno. No entanto, para minha tristeza fui informado que a Igreja Universal do Reino de Deus, tinha chegado àquela nação, divulgando práticas e comportamentos absolutamente antagônicos as Sagradas Escrituras, onde o assunto principal abordado nos cultos é o dinheiro.

Hoje, o meu amigo João Gomes me enviou uma reportagem de um dos jornais de Cabo Verde que muito me envergonhou. Segundo o articulista do jornal "O liberal", Daniel Semedo, a Igreja Universal do Reino de Deus mercadeja desenvergonhadamente o nome de Cristo.

Caro leitor, como já afirmei anteriormente neste blog, na minha opinião a IURD não pode ser considerada  uma igreja evangélica. Infelizmente sou obrigado a confessar que os seus ensinamentos e doutrinas de Edir Macedo não são cristãos e que afrontam de forma veemente tudo aquilo que os apóstolos e reformadores ensinaram.

Isto posto, resta-nos rogar ao Senhor que tenha misericórdia do povo Caboverdiano livrando-os dos enganos ensinados pela universal do Reino de Deus.

Renato Vargens

23 comentários:

A matéria do Daniel Semedo é muito boa, grande, mas vale a pena gastar um tempo para ler. Agora imaginem que se isso acontece em um país pobre como Cabo Verde, o que estes senhores da iurd (sim em letra minúscula como ela deve ser tratada) não estão arrecadando nos países ricos? como diria o Bóris Casoy:
- Isto é uma vergonha!

20 de maio de 2010 10:59 comment-delete

Na minha pós-graduação e linguística e literatura, conheci um pouco do que o cabo-verdiano tem escrito. Acredito que seja um país que não tem tanta cultura como nós. Infelizmente, estes mercanejedores da fé vão onde as pessoas não tem discernimento mesmo e, o pior, caem nesta cilada.

20 de maio de 2010 11:02 comment-delete

Caro pastor Renato
Como caboverdiano, que vive e prega o evangelho em Cabo Verde, dirijo-lhe os meus parabéns pela sua coragem em desmascarar este grupo. Por causa da pratica deles, muitos acham que brasileiros que ca vêm nao sao honestos. Ora, sabemos que isto não é verdade. Mas que a coisa está feia, la isto está. Resta-nos orar para que o Todo Poderoso a seu tempo, separe o joio do trigo.

20 de maio de 2010 11:33 comment-delete

Lamentavelmente discordo da Márcia Moreira quando diz:Na minha pós-graduação e linguística e literatura, conheci um pouco do que o cabo-verdiano tem escrito. Acredito que seja um país que não tem tanta cultura como nós. Infelizmente, estes mercanejedores da fé vão onde as pessoas não tem discernimento mesmo e, o pior, caem nesta cilada. Discordo pq a IURD está infiltrada em todo lugar, oq podemos chamar de países de 1º mundo. E isso ñ tem esta coisa de cultura, pois, oq vemos na IURD são pessoas formadas, inteligentes, mas que devido a lavagem cerebral passam pelo processo de " DOAR" seus bens, assim bem como os demais menos instruidos. Concordo quando o Renato, diz que ñ devemos proferizar a IURD como igreja, ao meu ver chamo-a de " SEITA." Mas estamos esquecendo das tantas SEITAS existentes como: Renascer, Deus é amor (ou Deus é terror?) Internacional da Graça entre tantas mais. Pq citei pejorativamente a palavra: DEUS É TERROR? simples, se estas seitas deixassem de fazer medo aos menbros, elas fechariam obrigatoriamente as portas.Como diz a passagem: Meu povo sofre por falta de conhecimento. O mestre em enganar o pstor, Waldomiro dono, sim, dono da Mundia da Fé, certa vez quando era pastor da IURD falou em púlpito que ao passar um cortejo fúnebre, parou, mandou abriu o caixão e orou no defunto e ele ressuscitou. Hoje se alguem vai a Igreja é no sentido de ver o sobrenatural e Deus fica em último plano.

20 de maio de 2010 11:59 comment-delete

Sérgio,

Cabo Verde é a quarta economia africana. Boa parte dos seus jovens possuem nivel universitário, além disso um número incontável da população é bem culta. A igreja que estive, não fica em nada a dever as boas igrejas brasileiras. Agora, como todos sabemos Cabo Verde encontra-se em desenvolvimento como inúmeros paises do mundo, todavia colocá-lo no mesmo balaio social e econômico dos outros países africanos é um grande equivoco.

Abraços,

Renato Vargen

20 de maio de 2010 12:12 comment-delete

discordo com este post. naum sejam ignorantes (pra quem estiver pensando não sou da IURD), Quem pode julgar é Deus! Vc é Deus ?

20 de maio de 2010 12:18 comment-delete

Andrei,

Deus eu não sou. Mais inteligência e conhecimento bíblico eu tenho. E vamos combinar uma coisa, isso basta não é verdade?

Abraços,

Renato Vargens

20 de maio de 2010 12:21 comment-delete

Márcia, cuidado com essa coisa de comparar culturas. É um caminho perigoso. África não é um país, é um continente e nem todos os países nele englobados são iguais. As pessoas têm uma noção errada do que não conhecem. Sabias que 97% da população de CV é escolarizada? E deixa-me dizer mais uma coisa, nossa cultura não é pobre, ela é riquíssima e as culturas nunca podem ser vistas como pobre quando deixam entrar seitas e ricas quando não deixam. Se fosse assim, o Brasil teria uma cultura pobre e, no entanto, não é assim! A vossa cultura é das mais ricas do mundo! Graça e Paz!

20 de maio de 2010 12:35 comment-delete

O João está certissimo em sua afirmação.
Uma das coisas que mais me impressionou positivamente em Cabo Verde era ver as crianças indo para escola. Milhares delas, indo ao colégio com alegria no coração.
Cabo Verde é um belo país!

Renato Vargens

20 de maio de 2010 12:46 comment-delete

Muito cuidado em pronunciar nomes de igrejas pois vocês podem estar fazendo o mesmo que Saulo , se achando certo e perseguindo o próprio Senhor Jesus.
Cuidado Gente. Deixa Deus cuidar disso, se preocupe em discipular e evangelizar e ore pelos seus irmãos.

Anônimo
20 de maio de 2010 15:38 comment-delete

O nome dessa seita satanica jamais deveria ser denominada pelo que se intitula ainda mais usando o nome de DEUS.

20 de maio de 2010 19:50 comment-delete

é irmao renato tome cuidado mesmo pois a igreja universal e seu dono e seu imperio esta em mais de 171 paises do mundo pregando o verdadeiro evangelho do lucro facil, de enganar pessoas , um evangelho B.O ,BOM PARA OTARIOS , eles aproveitam dos problemas das pessoas para meter a faca que entra igual faca em melancia, aproveitando-se ate dos nossos irmaos africanos devastados por pobrezas ,inustiças sociais e muitas dificuldades, conheço ate portadores de HIV que deram seu salario todo do mes para uma tal de foqueira santa que só queima mesmo a grana das pessoas

www.exejegues.blogspot.com

20 de maio de 2010 21:05 comment-delete

Anônimo,
Perdão meu querido, mas onde encontramos Deus onde se fala-se em correntes, sacrificíos e outras coisas mais. Praticamente falo por mim, pois passei alguns anos perdido na IURD e praticamente fui expulso, pois, ñ concordava com o que via.Portanto anônimo, neste caso ñ existe esta coisa chamada ética, se a coisa esta errada devemos sim falar e citar nomes.E como o amado falou em discipular, é justamente oq o amado pr. Renato esta fazendo. Sempre temos esta idéia de q ñ devemos julgar, penso o inverso, devemos sim, alertar e abrir mentes para que ñ sofram com os falsos profetas.

20 de maio de 2010 21:11 comment-delete

A paz Pastor Renato Vargens, fico doido com esses incautos que insistem em defender esses safados da iurd, na verdade são EURD, (empresa universal do reino de quem mesmo??)

20 de maio de 2010 22:52 comment-delete

A IURD tem ao longo dos tempos recebido muitas criticas, mais mesmo assim tem crescido e incomodado muito o inferno, conheço muitas pessoas que tiveram suas vidas mudadas feguentando a Universal, eles conseguiram reunir mais de 10 milhões de pessoas no Brasil, será que Deus não esta lá? na tv sempre colocam testemunhos e nunca soube de a IURD ficar atacando outras denominações evangelicas.
Deus abençoe a todos

edilson
21 de maio de 2010 03:01 comment-delete

Universal - Nem parece banco!

21 de maio de 2010 07:57 comment-delete

edilson,

"Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? e em teu nome não expulsamos demônios? e em teu nome não fizemos muitas maravilhas?
E então lhes direi abertamente: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniqüidade." (Mateus 7:22-23)

Muitas seitas vêm crescendo de forma assustadora. O Espiritismo, a maçonaria, Budismo, a Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias (Mórmons), e muitas outras vem ganhando cada vez mais adeptos. Isso significa que Deus está no negócio? Com certeza não.

Acredito que o sucesso de igrejas pseudo-cristãs está ligada aos sinais descritos na Bíblia e não a outro motivo.

Abraços, e abra os olhos. Peça a Deus discernimento.

21 de maio de 2010 08:37 comment-delete

DEFENSOR da universal , ja leu os postes acima dos comentarios ?


Não julgueis para que não sejais julgados. Como é isso?

Julgando os críticos ou criticando os juízes?

O conselho de Gamaliel e o pensamento Cristão


Se crecimento numerico fosse sinal de aprovaçao divina, DEUS estaria aprovando o islamismo, sabe quantos ja sao ?

21 de maio de 2010 20:49 comment-delete

Sou membro da Comunidade Nova Vida e A IURD tem criticas, mais mesmo assim tem crescido muito nao conheço quem chute cachorro morto,a metodologia de crescimento deles tem funcionado muito mais que muitas denominações centenaria,pessoas mudaram de vida na Universal, eles conseguem reunir milhares pessoas Deus esta lá ou nao?

Rogerio Monteiro
22 de maio de 2010 01:03 comment-delete

O cresimento da universal e tipo de mercado, eles dao o que o povo quer com ilusao de grana,amor, curas etc, mas salvaçao , nunca vi la uma pregaçao sobre salvaçao
Eles sao um comercio, vendem coisas que todo mundo precisa, pena que os clientes sao lesados

22 de maio de 2010 14:43 comment-delete

Francisco,

Sobre o mercantilismo da Universal, eu diria que ela é uma indústria e com saldos bem positivos. (diariamente) Sobre a ilusão por vc dita, eles são uns psicólogos de meia tigela, pois vão fundo no seu "Ego, Eu" e com isso tiram tudo.......
Mas tudo em nome de Deus.
Certa vez estava eu lá e contei quantas vzs o pastor proferiu o nome de Deus e o nome do diab.....vejamos:

a) DIABO.........68 VEZES
b) DEUS..........5 vezes

incrivel, ñ?

abraços!

24 de maio de 2010 09:26 comment-delete

Rogério,

A metodologia usada pela IURD é a mesma que as demais SEITAS, provocar o medo, terror. Pois com isso os menbros tem medo, tudo é o diabo em sua vida. Esquecendo-se eles que se estamos na "Graça" o sacrificio ja passou, e assim estariamos renegando o Mestre. Se o amigo prestar atenção, lá so falam no Velho Testamento, pois tudo gira em torno de sacrificio, principalmente na hora do leilão. (quem dá mais?)

abraços!

24 de maio de 2010 09:32 comment-delete

Olá, Renato Vargas tenho acompanhado suas idéias e posso te dizer que sua SEITA de jogadores de pedra esta crescendo, mais olhe para aquele que escreve na areia, e ops! Cuidado para daqui uns dias a mulher que vc diz adultera nao seja mais aceita no grupo do Salvador e vc e os ocupados em apedrejar tenham que se "retirar um a um". Obs; João

9.17   De novo, perguntaram ao cego: Que dizes tu a respeito dele, visto que te abriu os olhos? Que é profeta, respondeu ele.
9.18   Não acreditaram os judeus que ele fora cego e que agora via, enquanto não lhe chamaram os pais
9.19   e os interrogaram: É este o vosso filho, de quem dizeis que nasceu cego? Como, pois, vê agora?
9.20   Então, os pais responderam: Sabemos que este é nosso filho e que nasceu cego;
9.21   mas não sabemos como vê agora; ou quem lhe abriu os olhos também não sabemos. Perguntai a ele, idade tem; falará de si mesmo.
9.22   Isto disseram seus pais porque estavam com medo dos judeus; pois estes já haviam assentado que, se alguém confessasse ser Jesus o Cristo, fosse expulso da sinagoga.
9.23   Por isso, é que disseram os pais: Ele idade tem, interrogai-o.
9.24   Então, chamaram, pela segunda vez, o homem que fora cego e lhe disseram: Dá glória a Deus; nós sabemos que esse homem é pecador.
9.25   Ele retrucou: Se é pecador, não sei; uma coisa sei: eu era cego e agora vejo.
9.26   Perguntaram-lhe, pois: Que te fez ele? como te abriu os olhos?
9.27   Ele lhes respondeu: Já vo-lo disse, e não atendestes; por que quereis ouvir outra vez? Porventura, quereis vós também tornar-vos seus discípulos?
9.28   Então, o injuriaram e lhe disseram: Discípulo dele és tu; mas nós somos discípulos de Moisés.
9.29   Sabemos que Deus falou a Moisés; mas este nem sabemos donde é.
9.30   Respondeu-lhes o homem: Nisto é de estranhar que vós não saibais donde ele é, e, contudo, me abriu os olhos.
9.31   Sabemos que Deus não atende a pecadores; mas, pelo contrário, se alguém teme a Deus e pratica a sua vontade, a este atende.

Anônimo
16 de novembro de 2011 09:07 comment-delete