quarta-feira, agosto 24, 2016

A heresia sobre relacionamento sexual e transferência de demônios chamada laços de alma




Segundo os neopentecostais a doutrina dos laços de alma é um forte vínculo existente entre a alma de duas pessoas.(1) Para os adeptos desta teologia, relacionamentos sexuais tidos antes da conversão podem influenciar negativamente a vida dos cristãos. Se não bastasse isso, os defensores dessa prática afirmam que demônios são transferidos via relação sexual, gerando  pactos de sangue entre os parceiros.(2) Por fim, também afirmam que a relação sexual indevida produz um vínculo ou aliança e dessa forma um laço de alma é feito, e que  os crentes que tiveram relacionamentos sexuais antes da conversão estão presos espiritualmente por esses laços, daí a necessidade de quebra deste tipo de maldição. 

Os adeptos dessa heresia também afirmam que a pessoa precisa desfazer os laços de alma iníquos através da oração de renúncia. Veja por exemplo um modelo deste tipo de oração: (3)

“Pai, em nome de Jesus Cristo venho te pedir perdão por ter me tornado uma só carne fora de aliança de casamento e pela aliança de sangue que fiz com outras pessoas quando daquelas práticas (relações sexuais), eu me arrependo meu Deus e submeto minha alma, meus desejos, minhas emoções e sentimentos ao Teu Espírito. Confesso os pecados que cometi mantendo relacionamentos promíscuos fora do casamento... Renego e renuncio à todas as ligações com espíritos imundos que entraram em mim e os laços de alma que se estabeleceram através do que eu pratiquei, quebrando todo o vinculo com eles em o nome de Jesus Cristo. Agradeço-Te Senhor por me perdoares e me purificares com o sangue de Jesus neste instante, em nome de Jesus!    Pai, eu Te agradeço por  me dares as chaves do Teu Reino, as chaves de autoridade espiritual. O que eu ligar será ligado e o que eu desligar será desligado. Peço que me desligues de todos os laços de alma com meus antigos parceiros (as) sexuais e dos meus relacionamentos impuros (citar os nomes de cada parceiro ou parceira).    Devolvo em nome de Jesus tudo da alma dessas pessoas que estava comigo, e tomo de volta em nome de Jesus tudo da minha alma que estava com aquelas pessoas, descontaminado pelo sangue de Jesus Cristo.  Desfaço agora toda a dependência emocional que havia entre eu e aquelas pessoas em nome de Jesus Cristo, o meu Senhor.  Por Tua misericórdia, com Teu poder arranca-me das garras da escravidão sexual, da dependência, dos desejos emocionais e dos pensamentos escravizadores. Eu renuncio, resisto e amarro esses espíritos imundos que têm fortalecido esses laços de alma e que foram transmitidos a mim através das más associações, incluindo o demônio controlador dessas práticas em minha vida, com todos os seus comandados, os expulso em nome de Jesus para onde o Senhor Jesus determinar.  Por favor, meu Deus, purifica a minha alma e me ajude a esquecer de todas as ligações ilícitas, que eu seja livre para entregar minha alma totalmente a Ti e ao meu cônjuge (se for casado (a)). Pai, eu recebo Teu perdão por todos os meus pecados do passado na área sexual.  Creio e estou totalmente perdoado, e assim é como se nunca tivesse pecado.  Graças te dou, por não Te lembrares mais de meus pecados. Graças Te dou por me purificares de toda a injustiça. Eu me entrego totalmente a Ti.   Por Tua graça, mantém-me santo em espírito, alma e corpo, como templo do Teu Espírito.  Eu Te louvo. Em nome de Jesus Cristo, Amém!”

Pois é,  essa doutrina é um acinte aos ensinos bíblicos.

Quer dizer então que o fato de uma pessoa ter tido um relacionamento sexual antes da conversão a torna presa a outra? E os demônios? Foram transferidos via sexo tornando escravos aqueles que foram salvos por Cristo? Quer dizer então que a morte de Jesus não foi suficiente para libertar os homens de todas as suas amarras? Ou que o sangue vertido pelo Cordeiro não foi suficiente para libertar o pecador, e que em virtude disso, torna-se necessário fazer uma oração de renúncia? 

Por favor, pare, pense e responda: Em que lugar nas Escrituras nós vemos Paulo ou os apóstolos ensinando sobre os laços de alma? Em que momento vemos Jesus falando sobre a possibilidade de demônios  serem transferidos? Ora, ao contrário dos que ensinam essa heresia, as Escrituras nos mostram que em Cristo todo escrito de dívida que era contra nós foi cancelado.( Cl 2:13-14) Em outras palavras não existe nenhuma maldição, ou laços de alma que possa prevalecer, amedrontar ou escravizar aqueles que tiveram um encontro com Cristo. A morte do Jesus foi suficiente para quebrar todo tipo de maldição.

Paulo também afirma que o Senhor nos libertou do império das trevas e nos transportou para o Reino do Filho do seu amor.(Cl 1:13) Se não bastasse isso, as Escrituras são claras em afirmar que se o Filho libertar alguém, este verdadeiramente seria livre. (Jo 8:36) Portanto, assegurar que uma pessoa precisa quebrar "laços de alma",  fazendo oração de renúncia além de apontar para um profundo desconhecimento do significado da cruz, afronta as verdades inequívocas da cruz.

Para terminar, afirmo que o sacrifício de Cristo na cruz foi suficiente para libertar os eleitos das garras de satanás e que uma pessoa  alcançada pelo Senhor não precisa fazer absolutamente nada para se ver livre das ações do diabo. 

Renato Vargens


(1) Laços de alma (http://jesus-masr.blogspot.com.br/2008/08/laos-de-alma.html)
(2) Transferência de demônios (http://libertosdoopressor.blogspot.com.br/2012/02/transferindo-demonios-atraves-do-sexo.html)
(3) Libertação e Cura interior (http://www.libertacaoecurainterior.com.br/index.php/estudos/83-lacos-entre-almas)
Unknown disse...

Meu Deus Pastor!
Isso aí é muito assustador
Eu tive relacionamentos promíscuos antes da conversão. Saí de uma igreja que segue essa linha neopentecostal em que se ensinava, por exemplo, que quando vc se envolve sexualmente, vc se casa com a pessoa.
A passagem de Isaac e Rebeca na Bíblia era usado como fundamento.

Realmente fico assustado com todas essas heresias difundidas, ainda mais pelo fato de a grande maioria dos crentes serem membros dessas igrejas com esses ensinos.

O que fazer?

joao gabriel Oliveira disse...

Tipo vamos supor que lá no começo de sua conversão quando você aceitou Jesus Cristo, lá você pediu perdão dos seus pecados certo? bom vamos supor que 1 ano depois você foi lá e pecou seja o pecado que for, você falaria para si mesmo: Bom eu já aceitei Jesus 1 ano atrás então na há necessidade de pedir perdão de novo... ou quando você peca e erra, você não dobra seus joelhos e pede perdão de novo pelo Nome de Cristo Jesus pelos seus pecados que você cometeu hoje? Mesmo sabendo que um dia você aceitou Jesus e que foi perdoado creio que todos os momentos que vemos os nossos pecados, em vez de se calar pedimos perdão certo? É o que vejo nesse texto, embora as relações tenha sido antes da conversão da pessoa, creio que fazer essa oração não é errada, até porque Jesus disse que não nos uniriamos o nosso corpo que é de Cristo a de uma prostituta,(eu bem sei que esse assunto fala antes da conversão e que Cristo Jesus no momento da conversão já anulou isso) mais o que quero chegar, é que creio sim que a um ligamento Espiritual e psisiquica da alma com o parceiro(a), hoje a fisica quantica já mostra varios estudos que falam sobre isso, pois as duas pessoas dividem atraves do sexo a energia uma da outra, e tudo que fica gravado no seu campo energetico que eu creio ser da alma, passa para um e para o outro através da relação sexual..... como diz a biblia ambos se tornam uma só carne certo? Você está certo em afirma que depois da conversão não é mais necessario fazer esse tipo de renuncia porque na cruz ele cancelou todos os pecados, mais creio estar errado em dizer que não a um ligamento de duas almas e carnes, e como ambos são seres espirituais sim a também um legado espiritual em ambas as pessoas que também passam uma para outra através do sexo entende? Bem não estou aqui pra criticar, mais creio que estou aqui para apresentar mais informações.... e se quiserem passo aqui depois pesquisas e estudos bíblicos sobre isso a vocês.... Não lutemos contra a carne e o sangue( em especifico ao seus irmãos na fé) mais vamos concentrar as nossas forças em manter-nos a nos mesmos puros sem julgar e condenar aos outros e mantermos em pé.... concordo muitas coisas da pagina e outras não, mais creio que estamos andando juntos firmes no caminho que Deus Pai nos apresentou Cristo Jesus de Nazaré.... Shalom....

Neyva Souza disse...

Concordo... Não diria em transferência de demônios, isso não, mas na ligação ou aliança de corpos e almas sim. Se tornam uma só carne... e se se uniram fora do casamento é uma união ilícita. PORÉM NÃO DEIXA DE SER UMA UNIAO. Assim eu penso pelo q a Bíblia apresenta do assunto. Se unirão e serão uma só carne. Existe um vínculo aí sim. Acho que não é demais pedir perdão a Deus especificamente de algo que fez, pq se vc lembra e isso te incomoda, vc deve buscar confessar e estar em paz com Deus. Sabendo que o sangue de Jesus Cristo te purifica de todo pecado.

Karina Ferreira disse...

Eu entendo o ponto de vista da postagem, mas porque Jesus morreu na cruz e nos libertou dos nossos pecados, não significa que não precisamos fazer mais nada. Não estamos totalmente livres, temos ordens a seguir para o bom convívio e se a relação sexual se tratar de pura luxúria, não vale de nada colocar o nome de Deus no meio. Deus nos pediu tão pouco diante de tudo o que ele fez por nós. O homem nunca vai colocar lei na minha cabeça, mas acho que se manter puro ou se guardar para a pessoa certa é um gesto muito bonito e ainda assim, muito pouco perto do que devemos à Cristo.

Gabriel De Marco disse...

Gente, o que ele fala no texto é a pratica religiosa de orar pra expulsar demonios e cortar laços que não existem, levando em conta que você já pediu perdão pelos seus pecados, um resumo geral desse texto seria de que o arrependimento gera cura e desligamentos de alma, se é que isso existe, e não por meio de rituais religiosos, sendo que muita gente ja fez esse negocio de cura e libertação e continuou fornicando por aí. O sexo, é um pecado tão grande quanto o de matar, o de roubar e etc, o que muda é a consequência. Se você fez sexo, antes ou depois da conversão, vai encarar as consequências, que podem ser, se sentir extremamente atraído pela pessoa, amar ela mesmo não tendo nada incomum com ela. Ou seja, nunca vi nada de espiritual nisso. A não ser o fato de ser pecado, pede perdão, se lava pelo sangue e ja era, acabou

adilson silva disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Unknown disse...

Escutei na igreja na qual congrego ,te confesso que fiquei chocado com tanta heresia. Pois tal fato não tem respaldo bíblico, pastor tá difícil congregar em igrejas sérias!!!

Pr. Wellington Souza disse...

Dessa maneira uma mulher que antes de Cristo era prostituta, vai passar a vida toda lutando para se desconectar das almas que ela está presa ainda. Quanta ignorância!

Pr. Wellington Souza disse...

Então as ex prostitutas estão perdidas. Vão passar a vida toda, mesmo em Cristo tentando se desconectar dessas almas e demônios do passado promíscuo. Quanta ignorância!

Rodrigo Menezes disse...

O processo da conversão é reconhecer, confessar e se arrepender, sendo assim, não basta apenas reconhecer, ou somente confessar, precisa dos três elementos e depois disso não fazer mais!

Kelly Gama disse...

A melhor resposta

favourite category

...
test section describtion

Whatsapp Button works on Mobile Device only