Série: Verdadeiros adoradores - parte 3

Asaph Borba

Por Renato Vargens

Minha conversão se deu em agosto de 1986. Naquele tempo, há 24 anos atrás, ainda não existia  esse famigerado e mercantilista mercado gospel. 

Lembro com extrema saudade que  naqueles dias os momentos de louvor com música ainda eram  cristocêntricos, e o que mais importava, era glorificar o nome do Senhor.

Pois é, no inicio da minha caminhada cristã, nos meus momento devocionais, era comum  ligar o meu toca discos (será que os mais novos sabem o que é isso?) e orar ao Senhor ouvindo a boa música de Asaph Borba.  Não foram poucas as vezes que profundamente tocado pelo Senhor, louvei o seu nome, cantanto, "Jesus em tua presença", "Infinitamente mais" , "Minha alma engrandece ao Senhor" , "O meu louvor é  fruto", "O teu amor" e tantas outras canções mais.

Asaph Borba iniciou seu ministério cristão em 1978 quando gravou seu primeiro LP, intitulado Celebremos com Júbilo, juntamente com o cantor Donald Stoll nos Estados Unidos. Também foi pioneiro na produção e gravação de canções direcionadas para o uso no culto público. Em 2006, foi homenageado no Troféu Talento pelos seus 30 anos de carreira, ao longo dos quais compôs  inúmeras canções de louvor a Deus.

Durante todos esses anos Asaph Borba tem procurado servir ao Senhor com compromisso e integridade de coração. Sem sombra de dúvidas Asaph é um homem de Deus que tem feito diferença nessa geração.

Renato Vargens



4 comentários:

Com certeza o Asaph é uma benção, tive a oportunidade de conhecê-lo aqui em Rio Claro, e quando cheguei na igreja ele foi o primeiro a me cumprimentar... saiu lá do altar e veio pegar na minha mão.

Um exemplo a ser seguido, pois hoje os músicos(levitas) são as estrelas do culto, começa e termina a reunião e a maioria não olha para a cara dos irmãos.

Parabéns pelo artigo pr. Renato

14 de outubro de 2010 10:07 comment-delete

Ontem ainda estava assistindo a um DVD do Asaph Borba e lembrando de como fui influenciado por ele na minha adolescência e juventude. Realmente um exemplo a ser seguido.

Marco André

14 de outubro de 2010 11:09 comment-delete

O mais tremendo de seus hinos são que ele sempre conta como compõs, a situação que se encontrava, e como Deus trouxe consolo a ele através da palavra. Realmente Asaph Borba é um adorador, e seus hinos são totalmente cristocêntricos. Glorifico a Deus que desta vez (a respeito de louvor) terei que concordar, porque está dificil, com tantos blogs anunciando músicas bonitas, mas que de Deus não tem nada!

Fica na paz!

Blog Emunah

14 de outubro de 2010 11:28 comment-delete

Os conhecem a vida e o testemunho do Asaph e de sua família percebem que ali não está um cantor gospel. Mas um pastor e servo do Senhor que ministra e compartilha a Palavra de Deus.

Sou professor do filho do Asaph Borba aqui em Porto Alegre. Diferente de outros filhos de pastores e cantores gospel que conheci, ele é um exemplo de alguém criado por um casal cristão que serve a Deus. Criado no Caminho.

Um ótimo exemplo também de pai. E não tão somente, como muitos, de apenas cantor.

14 de outubro de 2010 12:06 comment-delete