domingo, agosto 15, 2010

Boate gospel.


Por Renato Vargens

Globo espelhado, canhões de luz, estroboscópio e fumaça, fazem parte de um contexto  especial onde  em nome de Deus, DJs e MC’s  embalam adolescentes e jovens em suas "danças" para Jesus. Se não bastasse isso, nos eventos em questão a "pegação" rola solta, onde em clima de azaração e paixão a garotada se diverte  beijando na boca.

Pois é, antes de qualquer coisa, preciso lhe explicar que não estou falando de uma boate comum e sim da mais nova mania "evangélica", o Night Song Gospel.

Infelizmente em nome da contextualização e da necessidade de se modernizar a propagação da Palavra de Deus, tem sido comum por parte de alguns pastores e líderes evangélicos a utilização de estratégias diferenciadas na “evangelização”. Lamentavelmente a cada instante, movidos por poderosas revelações, novas e mirabolantes estratégias tem sido criadas na expectativa de arrebanhar para os apriscos da fé, um número cada vez mais significativo de jovens. E é pensando assim que eventos dos mais estranhos possíveis têm sido criados por parte da liderança evangélica neste país, como por exemplo, o aparecimento de boates e discotecas gospel.

Pois é, para alguns pastores, boates e discotecas tornaram-se “álibis” indispensáveis para se pregar “as boas novas” de Cristo Jesus. Na verdade, neste Brasil tupiniquim, cada vez mais em nome de uma liberdade cristã, os jovens abandonam a palavra e o discipulado bíblico em detrimento às festas e eventos que celebram efusivamente o hedonismo exacerbado de um tempo pós-moderno.

Caro leitor, confesso que fico estupefato com a capacidade evangélica de elucubrar sandices e fabricar heresias. Como já escrevi anteriormente, estou absolutamente perplexo e preocupado com os rumos da igreja evangélica brasileira. Isto porque, em detrimento do “novo” têm-se optado por um caminho onde se negocia o que não se pode negociar.

Chego a conclusão de que mais do que nunca a igreja evangélica brasileira precisa de uma nova reforma.

Soli Deo Gloria.

Renato Vargens
Pastor Jesiel Freitas disse...

Paz prezado companheiro!

Parabéns pela abordagem e pela denúncia... Sim, porque tais ações precisam ser denunciadas aos que à elas não tem acesso por uma razão ou por outra! Embora não surpreso, estou estupefado também. Seria cômico se não fosse trágico.

A mesma preocupação tem sido declarada a Deus em minhas orações... Sandices, tolices e leviandades tem sido as marcas de alguns pseudo-líderes evangélicos na tentativa de elaborarem novas estratégias para atrair "ovelhas". É importante ressaltar que o poder de atração será sempre do EVANGELHO GENUÍNO que pregamos, e não das tolices e invencionices humanas. Deus nunca aprovará tais atitudes descomprometidas com sua palavra.

Que Deus tenha misericórdia de nós e das ovelhas. Que trate com misericórdia, mas com justiça àqueles que envergonham seu santo nome.

Abraço fraterno.

No mais... Paz!

Pr. Jesiel Freitas

OH ! GLÓRIA. disse...

Meu querido pastor, tem alguma boate gospel perto de nós em Niterói ?
porque night gospel eu tenho conhecimento, então deve-se ir a esses lugares para falar do evangélho de JESUS CRISTO, pois azaração, beijo na boca ao mesmo tempo que se tocam musicas que seriam para direcionar louvores ao SENHOR, estão sendo tocadas num ambiente que pode se chegar até o abrazar da carne, tá todo mundo louco ?; gente o SENHOR merece respeito.
Gilbert Raposo, um aprendiz em Cristo Jesus.

Nilson Junior disse...

A instituição que nesses dias chamamos de igreja vive em decadência, onde nós vamos parar desse jeito, é preciso lutar para viver as verdades do evangelho sem abrir mão de nada.

Alex Inocêncio Nunes disse...

INFELIZMENTE, AS PRÓPRIAS IGREJAS JÁ ESTÃO SE TORNANDO EM BOATES.
É A POSTASIA DOS ÚLTIMOS TEMPOS.

Pr Dinelcir de Souza Lima disse...

Caro Pr Renato Vargens
Agradeço a Deus pelo dom que lhe concedeu de escrever abordando assuntos que tanto incomodam aqueles que desejam viver um evangelho autêntico, baseado somente em Cristo Jesus.
Eu creio que a boate gospel nasceu nas igrejas ditas evangélicas que, como o irmão bem abordou, tentaram contextualizar os comportamentos com a desculpa de atrair pessoas para Cristo. Tudo isso que o irmão descreveu como características da boate gospel começou sendo visto nas igrejas.
Quando vou pregar em alguma igreja, logo percebo os canhões de luz, o comportamento dos jovens agitados e enamorados querendo se divertir.
Ao que parece chegamos a uma geração de pessoas que cresceram no ambiente das igrejas mas que nunca experimentaram a regeneração pela conversão a Jesus Cristo.
Grande abraço
Pr Dinelcir de Souza Lima

Lanes disse...

Olá Pastor Renato, paz.
Está ficando cada vez mais difícil evangelizar nos dias de hoje.
Vê-se de tudo. Parece que o mundo está virado de cabeça para baixo. Mas para não perder a piada; é, porque isso tudo parece uma piada; vou ficar com a inteligente irreverência do irmão Rodrigo Lima. " desperta, tu que dormes" e " Lázaro, vem pra fora".
Se a moda pega, essa camisinha vai vender mais que água mineral gasosa "diet"
Abraço.

Alberto Couto Filho disse...

Pr Renato

Um pouco mais de espurcícia não faz mal algum à igreja apóstata, onde abunda este lixo preconizado como obras da carne, em Gl 5:19,20 - satanás está, em regozijo total, entre os frequentadores deste antro de perdição.
...E isto é, apenas, o Princípio das Dores...
Misericórdia!
A paz

casanarocha disse...

Lembro que aqui em Fortaleza, anos atrás uma tal igreja "moderninha" criou um POINT GOSPEL, mais ou menos parecido com essa boate cospel. É cospel mesmo, de CUSPE, atitude que muitos fazem quando sentem nojo de alguma coisa. Não é de se estranhar, pois o próprio Deus sente vontade de VOMITAR essas igrejas.

Clovis Cabalau disse...

Caro pastor,
Sou líder de jovens de minha igreja e, sem tirar uma vírgula, concordo com o seu ponto de vista. Tento conscientizar os jovens de que o divertimento é saudável, mas as atitudes precisam ser bíblicas, inteligentes e distante do pecado. Infelizmente, já temos visto boates dentro de igrejas, em nome de uma "lirberdade" que não liberta, mas flerta com a escravidão da carne.
Parabéns pelo post.

Anônimo disse...

Hi Pastor

Este conceito aí de Boate Gospel é veeeeeelho conhecido nosso aqui em SP. Antigamente tinha um tal de Gospel Rock Café com as mesmas coisinhas que o senhor disse no post. Hoje esse lugar virou uma casa de vinhos. Adivinha quem patrocinava a festinha????? Isso mesmo!!! Os Hernandes, quem mais?

Jonis disse...

A Paz do Senhor.

Assim caminha a igreja gospel. O engraçado é que o evangelho desse povo gospel difere em tudo, menos na aparência pública. Tem roupa de evangélico, bordões evangélicos, cantoria evangélica, possuem até Bíblia. Mas é tudo gospel, pois é sem conteúdo. Sem Cristo.

Anônimo disse...

Eu creio que, antes da apostasia da qual a Bíblia fala, muitos dos que "patrocinam" estes "eventos" terão seus olhos abertos e, arrependidos de coração, deixarão de entristecer o coração do SENHOR, DEUS DE MISERICÓRDIA. Essa é a minha orção...
Em CRISTO JESUS, NOSSO SENHOR E SALVADOR!
Dorival

Jao disse...

Tal como o Ir Clóvis, trabalho com jovens. Pela infinita misericórdia de Deus, tenho tentado levar os jovens ao conhecimento da Palavra de Deus, se firmem na verdade do Evangelho e percebam que entretenimento gospel não nos levam a lugar nenhum.
O que me chama a atenção é o rótulo que alguns líderes evangélicos põem nos jovens. Os mesmos, por falta de conhecimento da Palavra, ou mesmo de comprometimento, acabam optando pelo carnal gospel para atrair os jovens, dizendo que os mesmos gostam de coisas do tipo e precisam delas para ir à igreja.
Recentemente, recebi um convite onde a pessoa me dizia que haveria bandas, teatro, enfim, toda sorte de atrações em um evento. Perguntei a ela se haveria a pregação da Palavra(o mais importante de tudo). Ela me respondeu que poderia haver uma oportunidade breve para os convidados, pois "os jovens se dispersam muito" na pregação...
Nestes 4 anos, percebo que os jovens podem até se dispersar(e quem de vez em quando não fica no mundo da lua?), mas quando a Palavra é ensinada no poder e verdade do Espírito Santo, é possível visualizar olhos esbugalhados e brilhando por estarem entendendo a Palavra.
Boate gospel, night gospel, arraial para "Jesus", entre outros eventos, são insuficientes para regenerar os jovens e permitir que os mesmos prossigam em conhecer ao Senhor... fora o circo e que se coma do pão, que alimenta, sacia e é suficiente para fortalecer a vida de um jovem.

Paz seja com todos

www.juventudejao.blogspot.com

Karin disse...

A unica coisa que penso, vendo um evangelho tão torto sendo pregado, é que minha Biblia é diferente da Biblia daqueles que praticam tais coisas. Na minha Biblia vem escrito claramente o que é pecado, o que são obras da carne, o que agrada e o que não agrada a Deus...
E pensar que coisas piores ainda veremos....

Anônimo disse...

"e dizia que o gospel situa se entre o Divino e o profano, agora ja descobri que e totalmente este ultimo".

Nivany Ribeiro - Goiania - Go disse...

Pastor Vargens, e lamentável o que esta acontecendo nas igrejas,
principalmente nas capitais os jovens crentes se misturam muito,no mesmo tempo
e cheio de unção e derepente se enchem de euforia.Agora os jovens crentes das cidades do interior eles são mais espirituais e conservadores,e so dar uma olhadinha nas igrejas do interior de qualquer estado brasileiro vemos a diferença.Mas cade os pastores,presbiteros,diacomos obreiros conservadores e cheios do Espirito Santo? a onde eles estão? para pregarem e ensinarem com autoridade a palavra de Deus?parecem que sumiram,ou se esconderam atrás de uma mascara, ficam com medo que o templo fica vazio, ou com poucos membros,essa a situação de hoje da igreja.

Anônimo disse...

Não basta arrecadar dinheiro do povo, fazendo templos imenso (empresa política) agora satanás age a solta mexendo com carne, já tinha o carnaval gospel, agora é boate gospel, acabou de completar com os politicos gospel.

Sinal que estão arrecadando muito dinheiro, se vendendo para satanás que virou gospel.

Anônimo disse...

O que teria demais ir a uma boate gospel se tem jovens "cristãos" (e eu conheço) que foram ao show do Gun's and Roses aqui no Brasil? Na maioria das vezes, esses mesmos jovens são apáticos no momento da adoração na igreja, mas os mesmos ensaiam em casa e se preparam para pular bastante nesses shows.
Como diz Leonard Havenhill, a igreja não quer ir em direção contrária ao mundo... ela quer ser aceita por ele.

Anônimo disse...

Não entendi porque alguns comentarios criticos anteriores foram aceitos como anônimo.

Roberta disse...

Creio que isso deve ser debatido entre os jovens,pois quem é solteiro sábado a noite cheio de disposição esta afim de sair para dançar e se não podemos ir em boates não gospel,onde iremos? Ou vcs acham que fazer culto jovem sábado que acaba 21h satifaz a galera,acho que as igreja precisam repensar o seu posicionamento,as coisas mudaram se em uma boate dessa que vcs falaram,alguém fica fazendo pegação cada um dara conta de si,agora nem todos os jovens são assim,nem todos querem pecar,desejam apenas curtir a noite e dançar com os amigos.Hoje em dia o pessoa curti música eletrônica,ou vcs acham que o povo vai ficar em casa sábado a noite escutanto Prisma Brasil,Sérgio Lopes e Alvaro Tito,gente os tempos mudaram abre a mente.Aqui em Sg tem algumas festas com música eletrônica feitas por algumas igrejas e é muito legal e os jovens são firmes,uma delas é o Bola de Neve um ministério muito legal.

Elen disse...

Não consigo entender alguns conceitos, como: "Ou vcs acham que fazer culto jovem sábado que acaba 21h satifaz a galera," Eu achava que Cristo nos satisfasia, mas compreendo que as coisa já não são mais assim. Por Favor alguem me responda, o que Jesus queria dizer não ameis o mundo e nem o que no mundo há"?.Acho incrivel como as pessoas acharam uma maneira de santificar tudo. Jesus certa vez disse: Quando o filho do homem VOLTAR achará Fé na terra???
Acredito que então podemos criar a boca de fumo gospel, a casa de mulheres gospel,troca de casais gospel, pedofilia gospel, prostituição gospel só cuidado com os exageros pois cada um dará conta de si.
Me desculpem mas acredito que não é a igreja que deve repensar o seu posicionamento e sim cada cristão escolher a quem deseja servir ! Afinal Deus nos deu o Livre arbitrio.

Leo Blume disse...

Opinião Própria - Religiosidade, religiosidade, religiosidade

Os jovens sofrem com o conceito "cristão" de que o entretenimento é desnecessário.
São proibidos de participar dos eventos da sociedade comum, de se ter amizade com ímpios e de freqüentar "lugares profanos", onde alguém possa seduzir minhas ovelhas de maneira mais forte que a minha "lavagem celebral" possa combater - como se fossem seres incapazes de julgar por si próprios.

Culmina nisso aí.
Gospel é um nicho de mercado. Nada mais.
Se lhes é negada a opção de se divertir, surge alguém com idéias. Abre um local "evangelístico", que na verdade mais envergonha e dá motivos de chacota - pois lhes garanto que nesses lugares tudo é meia-boca, como quase tudo que é produzido para o mercado gospel brazuca.
Quem não-cristão iria a um ambiente desses? E pior, quem não-cristão se achegaria a Cristo com isso? Que desejaria mudar de vida e ser alguém melhor? Pela misericórdia de Deus como a conheço, deve haver. Mas só por Ele.

Creio mais no exemplo de amizade e companheirismo do cristão que vai com seus amigos ao bar, ao jogo de futebol, ao show e ao teatro. E conquista a todos com seu potencial de amar e servir.
Jesus me parece muito mais feliz quando festejava com publicanos e ímpios. Quando está descrito que Ele estava só com os "crentes", Ele já avisou: alguém aqui vai me trair...!

De quem é a culpa?
Religiosidade, religiosidade, religiosidade.

Por Leo Blume - um cara que parece bem liberal, mas que na verdade tem um coração enorme por Deus e pelas pessoas.

Israel disse...

poisé isso é uma questão a ser pensada
não podemos generalizar como muitos estão fazendo,o que mim deixa assustado é que ninguem ver o lado do jovem cristão atual,com o'bitolamento'' gospel, e quase um crime um cristão ir a uma festa,um teatro,a um jogo de futebol onde há pessoas do mundo,com isso a industria ''gospel'' cada dia mais induz a um comércio super lucrativo criado festas ''gospeis'' de pessima qualidade,de gente fraca e simplismente rídicula..... culpa disso ? RELIGIOSIDADE
ou acham que os hinos de nossas igrejas vão sartisfazer toda a criatividade e a alegria de um jovem cristão?

Anônimo disse...

Eu não sei qual a surpresa? Por que a crítica pastor? Em outro artigo você defende que não tem problema ouvir música do mundo, secular ou seja lá como queira. Qual a diferença entre bossa nova e techno? Entre seu samba e o lounge? Qual a "pecaminosidade" em se ouvir uma música assim na boate como eles, ou ouvir sua Elis dentro de casa? A contaminação é a mesma, só a conveniência legalista que não, não é verdade?

El Misionero Matsuura Junichiro disse...

Pastor Renato, por favor, defina "modernização".
Este conceito, "modernização", é um tanto quanto questionável.
Esta "modernidade" não tem nada de nova. Pura deturpação. Pura subversão de valores.

Maura Eternamente de Cristo disse...

Misericórdia Senhor!!!!!!! É só o que tenho para falar!!!!!

ANA PAULA PEREIRA XAVIER disse...

Gostei da sua resposta,concorso com vc!!Os jovens cristaos nao tem lugar pra sair e se diverti,sim pode acontecer de algum jovem não convertido ou novo na fe ir pra uma boate dessa achando q chegar la vai arumar namorada ou ficar com alguem.Mas nein todos sao assim!!Quando fazemos eventos na minha igreja quero e dançar e me divertir com meus irmãos de discipulado...

favourite category

...
ministério pastoral

Whatsapp Button works on Mobile Device only