quarta-feira, abril 10, 2013

Hulk, um deus fraco e a teologia liberal

Por Renato Vargens

Outro dia fiquei sabendo que um famoso teólogo liberal afirmou que o seu deus diferentemente do Deus dos conservadores era um deus fraco. Na ocasião o religioso afirmou que não consegue acreditar num Deus Soberano que controla todas as coisas. Para ele o Deus da Bíblia e um Deus impotente e fraco.

Pois é, ao ouvir tão transloucada e aberrativa afirmação foi impossível não lembrar do filme dos vingadores onde numa das cenas, Hulk ao lutar com Loki denomina-o de deus fraco. (Veja o vídeo abaixo)

Caro leitor, ao contrário dos liberais eu não creio num Deus fraco, antes pelo contrário, creio num Deus poderoso e forte. As  Escrituras Sagradas nos ensinam que Deus é absolutamente Soberano. Como o Deus Todo-poderoso, Ele governa o mundo. Ele é o Rei dos reis, o Senhor dos senhores, o Altíssimo Deus. A Ele pertence todo poder e toda autoridade para fazer o que lhe agrade em cima nos céus e em baixo na terra. O mundo e tudo que nele há é o Seu mundo e que toda criatura existente neste mundo está debaixo de domínio e poder.  A Bíblia também afirma que o Senhor, o Criador reina majestosamente  Sim! O nosso Deus está assentado num alto e sublime trono e governa todas as coisas soberanamente! Ele tem todas as coisas debaixo de sua potente mão.

Diante do exposto resta-me discordar do teólogo liberal que pelo visto não se converteu e nem tampouco conheceu o único, verdadeiro e soberano Senhor.

Pense nisso!

Renato Vargens


Landim disse...

Paz e Graça, senhor Vargens.

Sabe, houve uma época em que eu frequentei uma igreja (neo)pentecostal aqui em Fortaleza e eu me lembro que o que mais me motivou a sair desta igreja, foi numa manhã da EBD desta igreja, o pastor-líder da mesma e nosso professor abrir a Escritura em Mateus 28.18 em que está escrito, não exatamente nessas palavras, mas mais ou menos assim: "É-me dado todo o poder no céu e na terra(...)" e dizer exatamente assim: "Jesus só tinha poder na terra porque era homem. Ele não poderia fazer nenhum sinal, milagre, absolutamente nada na terra se 'não' fosse homem porque a autoridade na terra pertence ao homem." Desde então, eu decidi sair dali e ir para outra denominação. Procurei, entretanto sair em paz, não sem antes expôr que, apesar de não saber muita coisa de teologia, simplesmente não concordava com aquela afirmação. É claro que discordâncias podem sim gerar desavenças, mas pelo menos abertamente ninguém entre os irmãos de lá demonstrou alguma menção de aborrecimento, mágoa ou algo parecido para comigo. Pelo menos não abertamente. Esse seu post me fez lembrar tal episódio de minha vida. E, francamente, não é uma página muito legal deste livro porque, congregando com eles, eu era até feliz. Na minha mente, eu estava entre os santos. É lógico que tinha um monte de outras coisas para as quais eu simplesmente fazia vista grossa por amor à irmandade. Mas aquela afirmação, a que citei acima, foi como que a gota d'água.

Eu confesso, nunca li as tais Institutas, nem me aprofundei na história dos puritanos, baixei uma vez as 95 teses do Martinho Lutero, mas desisti de ler porque era em latim... somente leio a Bíblia e sempre tenho a esquisita impressão de não a li o suficiente, mas de alguma forma sabia, aquilo tudo era errado e não dava mais para tolerar. É triste porque a amizade com alguns inevitavelmente se esmaeceu. Pessoas que ajudavam todos, que eram livremente prestativas e felizes, alguns até de idades avançadas que sempre demonstraram carinho por mim, hoje me cumprimentam na rua com uma formalidade que nunca existiu entre a gente. :(

Filipe Ivo disse...

Sensacional a abordagem

Cristiano Santana disse...

Muito bom!

O pregador disse...

Eu usei essa imagem domingo passado, falando sobre o deus do avivamento brasileiro. kkkkkkk MUito bom Pr Renato.

El Misionero Matsuura Junichiro a.k.a. Marcos Freybert disse...

Eu vi essa cena, e, DEUS que me perdoe, mas eu ri muito. Realmente, Loki era muito fraco. Hulk arrebentou com ele, e o Nosso DEUS arrebentaria com todos eles.

Marcos Antonio disse...

Há um montão de "evangélicos" que afirmam asneiras como estas, que devem estar classificadas pelo menos entre as 100 primeiras maiores sandices já ditas. Mas, há poucos minutos, ao ler o que um sacerdote católico-romano afirmou, vi uma sandice maior e a classifiquei entre as 10 mais. Está em uma foto compartilhada no Facebook: http://goo.gl/DN1CMd

favourite category

...
ministério pastoral

Whatsapp Button works on Mobile Device only