sexta-feira, novembro 14, 2014

Por que alguns neopentecostais estão errados em profetizar, bem como determinar bênçãos sobre os cristãos?

Por Renato Vargens

Entre os crentes modernos percebe-se inúmeros modismos, dentre estes, a prática de profetizar bênçãos sobre os irmãos. Para constatar isso basta abrirmos as Redes Sociais que encontraremos um grande quantidade de postagens com os seguintes dizeres:

"Profetizo uma semana de vitória; um ano de riquezas e prosperidades; profetizo o carro novo, a casa própria; um ano de dupla honra e muito mais."

Complicado não é mesmo?

Diante do exposto ouso afirmar que  a doutrina dos decretos espirituais, confissão positiva e profecias de prosperidade são aberrações  teológicas.  Por favor gostaria que me mostrasse nas Escrituras uma ordem explícita de Jesus ou dos apostolos que devemos profetizar uma semana de vitória? 

Lamentavelmente a prática do decreto e da oração determinista  se tornaram comuns ao meio evangélico. Na verdade, em boa parte dos templos chamados cristãos é absolutamente normal vermos ou ouvirmos pessoas determinando a benção em nome de Jesus. Nesta perspectiva se decreta o carro novo, a cura da enfermidade, a prosperidade financeira e a desgraça alheia.

Os defensores deste tipo de oração fundamentam seus comportamentos no evangelho de João, capítulo 14, verso 13, afirmando que o termo usado como pedir foi mal traduzido, isto porque, segundo estes, a palavra no original jamais teve a idéia de pedir alguma coisa, e sim de determinar algo. Entretanto, ao contrário do que tais profetas afirmam, o texto grego aponta efetivamente para alguém que pede, sem contudo exigir o cumprimento daquilo que deseja. Ora, onde já se viu um filho determinar o que quer que o pai faça? Ou, de modo semelhante um servo ordenar o que deve ser feito ao seu senhor? O filho é submisso ao pai e o servo é submisso ao seu senhor. Se Deus é nosso Pai, então devemos honrá-lo como tal. Se ele é nosso Senhor, então a nossa postura deve ser de servos.
  
Prezado amigo, a doutrina dos decretos além de falsa é um grande engodo. Acreditar nela significa acreditar que podemos dar ordens a Deus determinando a Ele o que deve ser feito, o que do ponto de vista bíblico é uma estapafurdia heresia.

Pense nisso!

Renato vargens


favourite category

...
test section describtion

Whatsapp Button works on Mobile Device only