quarta-feira, janeiro 09, 2013

Homens quarentões que querem ser adolescentes

 Por Renato Vargens

Infelizmente em um mundo onde os valores se relativizaram, o comportamento dos homens cristãos em quase nada tem se diferenciado do comportamento dos homens não cristãos. Na verdade, ouso afirmar que existe um número impressionante de crentes, que ao atingirem a meia idade, movido por rompantes irresponsáveis, abandonam seus casamentos e filhos com a desculpa de estarem loucamente apaixonados por uma outra e mais nova mulher. 

Nessa perspectiva volta e meia encontramos homens acima dos 40 anos namorando meninas de 20. Se não bastasse isso, muitos destes, deixam o cabelo crescer, furam a orelha, tatuam o corpo comportando-se como adolescentes rebeldes. 

Pois é, lamentavelmente não são poucos aqueles que ao entrar na meia idade voltam a adolescência. Sei de casos de homens que abandonaram suas esposas e filhos transformando-se assim no "pegador" da garotada.

Prezado amigo, ouso afirmar que alguns homens ao atingir a maturidade regressam a adolescência. Na verdade o comportamento de alguns homens de meia idade é parecido com o comportamento adolescente, isto porque, tanto envelhescente como adolescente questionam valores, relativizam conceitos, protagonizam rebeldia, rompem paradigmas, além de lidarem com as crises relacionadas à nova fase da existência. Como Já dizia Mario Prata, a envelhescência nada mais é que uma preparação para entrar na velhice, assim com a adolescência é uma preparação para a maturidade.

Adolescentes e envelhescentes se parecem em muitos aspectos. Por acaso você já percebeu que ambos possuem "vocação" para a incompreensão? Já se deu conta de que assim como ninguém entende determinadas atitudes dos adolescentes, também ninguém entende determinadas atitudes dos envelhescentes? Já reparou que ambos são irritadiços, se enervam com pouco, achando que já sabem de tudo e que ninguém absolutamente ninguém tem nada com sua vida?

Em boa parte das vezes, adolescentes e envelhescentes são movidos e dirigidos pelo egoísmo umbilical, onde o que interessa é a satisfação pessoal, ainda que isso implique machucar severamente alguém.

Assim como a adolescência a envelhescência passa, e ao passar, dependendo dos atos e atitudes, o estrago feito por ações emotivas, baseada numa paixonite aguda e irresponsável, tornará quase que impossível o resgate de uma vida familiar bela, rica e profícua.

Pense nisso!

Renato Vargens
Leandro Hüttl Dias disse...

Sua conclusão foi perfeita!

Pb Fernando disse...

Essa situação é fruto de uma sociedade divorciada de Deus e de sua palavra. E lamentavelmente esse tipo de comportamento já adrentou muitas igrejas e tem destruido muitos lares. A meu ver o que precisamos é voltarmos a palavra de Deus para debelarmos esse mal em nome de Jesus.

favourite category

...
test section describtion

Whatsapp Button works on Mobile Device only