segunda-feira, outubro 21, 2013

Eles não querem um pastor, querem um escravo!

Por Renato Vargens

Tem gente que acha que pastor deve ser sisudo, cara amarrada, que não pode se divertir, brincar com os filhos, rir da vida, assistir um bom filme, tirar férias, contar piadas, ouvir música, viajar com a esposa, gargalhar, jogar bola, e outras coisas mais. Para estes, o pastor deveria ser um cara sem sorrisos, sem alegria, um tipo de escravo da Igreja e deles mesmos, prontos para atende-los como servos subservientes, sem direito contudo a fazer da vida uma grande celebração. Pois é, faço minhas as palavras do querido Luiz Sayao, Se por um lado alguns muçulmanos são Chiitas, por outro, alguns crentes são chaatos. Um bom dia todos!

Outro dia eu escrevi um texto sobre férias pastorais (leia aqui) e por mais incrível que possa parecer um número significativo de pessoas reclamaram considerando um verdadeiro absurdo o pastor tirar férias.

Houve alguns que disseram: "Férias pastorais? Ora, o diabo e os seus demônios não tiram férias e o pastor quer tirar?" Sou contra, bradou o fariseu da modernidade.

Noutra ocasião, um pastor amigo compartilhou que um dos diáconos de sua igreja disse: "Pastor, vamos aproveitar que o senhor está de férias e fazer uma visitinha?"

Caro leitor, lamentavelmente alguns dos evangélicos querem um escravo e não um pastor. Mesmo porque,  este tipo de gente acredita que o pastor tem que trabalhar o tempo todo sem direito a descanso, feriados  ou  lazer. Para os "workaholics" da fé, o pastor deve gastar todo o seu vigor visitando velhinhas ao final da tarde, paparicando marmanjos esquizofrênicos, além é claro de esmerar-se cotidianamente a resolver os problemas dos outros.

Esses hipócritas não vivem sem descanso, mas acham um absurdo com que os pastores dediquem parte do seu tempo as suas esposas e filhos num justo e merecido período de férias.

Infelizmente em virtude da pressão dessa corja religiosa não são poucos os pastores que perderam seus casamentos e filhos. O número de adolescentes desviados é assustador! Eu tenho um amigo pastor que perdeu o filho para o álcool, simplesmente pelo fato de ter dedicado todo o seu tempo a igreja, abandonando na esquina do esquecimento a família.

Prezado amigo,  por favor responda sinceramente: O que adianta o homem ganhar o mundo e perder os de sua casa? Lamento lhe informar que se você é daqueles que pensa que o pastor não deve tirar férias precisa urgentemente rever seus valores.

Como já afirmei anteriormente as férias pastorais são motivos de bênçãos para o ministro e para a igreja.  Sim! Isso mesmo! Para o pastor, que tem a oportunidade de renovar as suas baterias, além obviamente de investir INTEGRALMENTE na sua relação familiar. E para a igreja, que ao receber o pastor de volta o tem com gás novo pronto para um novo ano que se inicia.

Igrejas que incentivam os seus pastores a gozar de férias demonstram amor e consideração por aquele que com dedicação e esmero tem se doado a favor do reino.

Pense nisso!

Renato Vargens
Márcio Cruz disse...

"Ao que ele lhes disse: Vinde vós, à parte, para um lugar deserto, e descansai um pouco. Porque eram muitos os que vinham e iam, e não tinham tempo nem para comer - Mc 6.31".

Foi ordem do Mestre!!!

Pode descansar à vontade e curtir cada minuto com muita alegria!!!

Fabio Ribeiro da Silva disse...

Pastor, que pesar em ler este comentário. Pessoas que acreditam que o ofício pastoral não cansa! A menos que pastores sejam homens de ferro e recarreguem na tomada elétrica, aí sim,por favor não tirem férias, mas se pastore estão debaixo da mesma lei orgânica que as ovelhinhas de Jesus...
A Igreja precisa do seu pastor o ano inteiro e a sua esposa e filhos não, aliás os filhos de pastores não tem o direito a ter boas recordações de férias com o papai pastor e sua mamãe em um lindo passeio de férias, álbum de fotos e todas estas coisas que os filhos muito gostam! Que egoísmo é este? que falta de sensibilidade é esta? que sentimento negativo é este que permeia uma igreja que deveria amar as pessoas, inclusive seu pastor, a ponto de querer seu bem! As ovelhinhas é que deveriam dar a feliz ideia: pastor, tire férias e leve a sua esposa para um passeio, abençoe seus filhos com algo diferente, invente pastor, mas seja FELIZ, isto é um direito seu!

Unknown disse...

Querido Renato,
Graças a Deus que a IPB. na sua Constituição, garante ao pastor, 1 mes de férias.
Outra coisa, tem muita gente nas igrejas, que querem que o pastor viva a vida Cristã por elas. Não oram, não tem contato regular com as escrituras, e ainda se acham no direito de exigirem isso e aquilo.
A história do "diácono" que vc menciona no seu comentário, me fez lembrar de uma outra, que aconteceu com um pastor conhecido de BH. Ele conta que estava orando em casa, aí bateram na porta, ele foi atender, ela um dos oficiais da igreja que perguntou: "Pr.o senhor está fazendo alguma coisa? O pr. Respondeu: "Sim, estou orando". Aí o dito cujo respondeu: "Ah, já que o senhor não está fazendo nada mesmo, vamos comigo fazer uma visita.". Esse, com certeza, deve ser daqueles que defendem que pastor não tira férias.
um forte abço
Pr. Paulo

tadeu disse...

E as vezes, sabe o que acontece: Quando um missonário e sua família retornam ao país de origem pra "recarregar a bateria", o povo enche a agenda deles de compromissos, congressos, palestras, entrevistas, etc. Gente, o missionário precisa descansar com sua família! Pelo amor de Deus, quando um obreiro vier de um campo missionário, deixem ele em paz. Vejam o que Jesus disse em Marcos cap. 6.30,31,32 e tirem suas conclusões.

Jonatha Rodrigues disse...

Essa questão é relativa, se o Pastor em concordância com a igreja quer tirar férias, bom! Não é pecado algum e também em consenso com a igreja e sentir que não deva tirar férias também não é pecado; assim aqueles que concordam e discordam é o mesmo parecer. Irmãos isso vai depender muito do local e o seu contexto onde o pastor exerce o seu ministério, vai ter lugares que vai impossibilitar o ministro tirar férias, por vários motivos falta de obreiro é um deles, por favor não tentem provar na Bíblia que tirar férias ou não tirar férias é lícito, o que vale é o bom senso. Não façam disso uma disputa tola, precisamos focar em outros assuntos mais pertinentes à fé evangélica!

Krull disse...

Tem gente que passa corretivo na Lei Áurea...

Unknown disse...

Graça e Paz, meus queridos irmãos!
Todos necessitam de férias. As ovelhas, os cabritos e até o servo dos servos, o pastor. Devemos, sim, termos sabedoria e sair no momento certo. Olhar para a igreja, sua carência, momento... Podemos tirar os trinta dias? A igreja irá suportar? Podemos dividir 15 x 15? Sabedoria,amor, dedicação faz parte do nosso ministério 24 horas. Certamente, necessitamos de férias, descanso... O pastor só terá um descanso verdadeiro: A eternidade quando o Bom Pastor estará nos pastoreando eternamente. Até lá... Aguente firme colegas! O ministério, a cada dia, se torna mais duro. Que Deus nos ajude.

Unknown disse...

EU já estou na contagem regressiva para as minhas de 2013.
abço a todos Pr. Paulo

rodrigo machado disse...

Pastores modernos querem férias oh pastores agora não é hora de férias de descanso é hora de trabalhar tem toda eternidade para descansar jesus quando carregou a cruz por nos não pediu ferias ou descanso levantaivos e andai porque não é aqui o vosso descanso miq 2 10

Thiago Gigo disse...

Rodrigo Machado, Deus estava errado quando descansou no sétimo dia e quando instituiu o shabath?

Alfredo Neto disse...

Isso mesmo, cuidem das ovelhas e abandonem as famílias, essa é a vontade de deus. #ironia

GESIEL ALVIM DE OLIVEIRA disse...

Todos os trabalhadores devem tirar férias anualmente, independente do patrão. Deus, com certeza fica feliz, quando seu servo pode descansar....Assim será mais produtivo no próximo ano.

genivAldo oliveira nascimento disse...

Sou esposa de pastor e sofremos muito por não termos esse momento em família. Minha filha de 10 anos sempre reclama. Mas amamos a Deus e as ovelhas, seja feita a vontade de Deus.

genivAldo oliveira nascimento disse...

Sou pastor a 20 anos a maior férias que tive foi de 4 dias que foi na lua de mel a 15 anos atrás. No natal e feriado fico o dia inteiro na igreja e quase não vem ninguém, sentimos vontade de passarmos a ceia e o ano novo com a nossa família, sentimos saudades da familia . Amo a obra de Deus, minha esposa e filha de 10 anos, sofrem muito, por que eu nunca tenho momentos só pra elas, tenho folga uma vez por semana, mas é mesmo que nada. Que Deus nos ajude! Mas o pastor precisa de momentos com a sua família. O pastor é humano e o fato dele tirar férias não vai impedir de Deus salvar, porque ninguém é insubstituível.

favourite category

...
ministério pastoral

Whatsapp Button works on Mobile Device only