quinta-feira, setembro 03, 2009

Vergonha, políticos sem vergonha!

Por Renato Vargens

Reunidas em sessão conjunta, as comissões de Justiça e de Ciência e Tecnologia aprovaram, por unanimidade, a limitação do noticiário em portais e blogs da web.

A prevalecer o que foi aprovado pelos nobres parlamentares, estipula que a internet deverá equiparada, em períodos eleitorais, ao rádio e a TV. O que em outras palavras significará não vincular, por exemplo, artigos a favor ou contra candidatos, partidos ou coligações. Debates na internet? Só convidando todos os candidatos. Entrevistas? Ou faz com todos ou não faz com nenhum. Charges? Terminantemente proibido. Pois é cara, pálida esta maluquice foi enganchada no artigo quarenta e cinco, inciso três da nova lei.

Caro leitor, o Brasil tem vivido nos últimos anos uma curva ascendente de escândalos onde políticos corruptos movidos por uma avassaladora ganância, se locupletam do dinheiro público enriquecendo desenvergonhadamente. Infelizmente, as primeiras páginas dos nossos jornais têm estampado quase que diariamente escândalos políticos de primeira linha. Essa sucessão de escândalos, significativos em seu conjunto, ajuda a criar uma cultura de crescente desconfiança nos cidadãos, aos quais tem gerado conseqüências funestas e contraproducentes, bem como o descrédito da sociedade quanto a capacidade do poder público de fazer o bem comum.

Agora vem essa "corja política engravatada" estabelecer regras onde não se pode em período eleitoral falar mal dos políticos. Ora, vamos combinar uma coisa? Esse pessoal que perambula naquele antro de promiscuidade denominado Congresso Nacional só legisla pensando em si mesmos. Aliais, eles são extremamente eficientes para tirar dinheiro do bolso do contribuinte, o que fazem com maestria. Impostos elevados, leite mais caro que a gasolina, carga tributária exorbitante, e todo tipo de ato secreto, contribuem para o estado de indignação do cidadão que não agüenta mais ver tanto descaso.

Sinceramente este país é uma vergonha!

Renato Vargens

GILBERT RAPOSO disse...

DEMOCREDURA, MISTO DE DEMOCRACIA COM DITADURA.
O POVO MERECE RESPEITO.

Renato Vargens disse...

Não meu nobre amigo. Ditadura jamais. Democracia sim. Precisamos é escolher melhor nossos representantes.

Abraços,

PC@maral disse...

Bravo para o texto e mais ainda pelo comentário pastor Renato.

Qualquer dia veremos nos outdoors (agora nem tem mais) a seguinte pergunta:

" Em que ladrão você vai votar hoje?"

A que ponto chegamos!

Ednaldo disse...

Propaganda política pela internet? Esse vai ser um prato cheio para os hackers.

PC@maral disse...

Pastor Renato, publiquei esta noticia no meu blog com uma imagem que estava guardada e que eu sabia que iria usar um dia - só faltava o texto correto.

O seu texto"

Deus abençoe!

GILBERT RAPOSO disse...

Eu quiz dizer que estamos vivendo uma democradura, e não estou pedindo a ditadura, apesar de achar que o povo não está preparado para liberdade, muitas das vezes é preciso cabresto.

Renato Vargens disse...

Prezado Gilbert,

Nada pode ser pior do que a ditadura.
Descordo que não estejamos preparados.A democracia é o mais justo. Repudio veementemente todo tipo de imposição. Nossos governantes e legisladores devem ser eleitos pelo povo e para o povo. Toda ditadura é tirânica, arbitrária e despótica.

Abraços,

Renato Vargens disse...

Obrigado PC.

Abraços,

GILBERT RAPOSO disse...

O pastor e eu e mais alguns poucos possamos estar preparados para uma boa escolha em quem votar, mas a maioria não está e não se põe com vontade para isso, vivemos ainda numa cultura popular onde está tudo bem, pois tendo: cachaça, samba e futebol, agora também o funk, o povão nem está ai e quando chegar a hora do pleito ainda se troca vto por saco de cimento, tijolo, cesta básica etc. quanto ao que disse que vivemos numa democradura é que lá em Brasilia eles votam, aprovam e nós temos que aceitar e acabou, o pastor tem como saber por algum tipo de pesquisa se a população acompanha o desempenho do candidato em que votou ?, acho dificil uma conclusão, então o nosso povo não tem preparação para o voto, e vai demorar para chegar lá, porque nossas universidades são de formação duvidosa e a cada dia abre-se uma a mais em cada esquina, até a distancia temos agora, então pega-se o titulo e o conteudo é oco, a pouco queriam acabar com o provão da OAB, imagina com esse provão temos advogados fraquinhos por ai, já pensou o camarada sair direto dessas faculdades para o forum ?,
o indice de aprovação na OAB é muito baixo, mas os caras querem isso facilidade no diploma e por ai vai, mas creio que um dia chegaremos ao topo pois moramos num pais cheio de recursos tecnológicos e naturais, e nós temos que exercer o papel para sermos esclarecedores dessa gente.
Um abraço, Gilbert Raposo.

zemario disse...

os politicos e as fraldas devem se mudado frequentemente e pela mesma razão.

Augusto Elias disse...

É verdade,também não concordo com a ditadura até porque ,eu atribuo uma grande parcela da misérie existente em nosso país devido a implantação da ditadura que nada mais é do resulatdo da mistura de corruptos,assassinos,mentirosos,ladrões também,assim como alguns dos que estão em brasília,mas sou a favor de um estado democrático de direito de verdade,onde podeomos ter livre acesso as informaçoes e de ter liberdade para escrever até mesmo contra políticvas implantadas beneficiando a corja "engravatada.A AERONÁUTICA RECENTEMENTE CONDECOROU UM SAFADO,PILANTRA MINISTRO que pediu o arquivamento das acusações daquele bigodudo,coronel Sarney ladrão e mentiroso!O meu brother indiguiunado e por sua ves trabalha lá foi quem me disse.Congrsso Nacional:CASA DE PROSTITUTA GOVERNADA POR SACANAS!!!!

favourite category

...
test section describtion

Whatsapp Button works on Mobile Device only