sexta-feira, junho 21, 2013

Uma pequena palavra aos cristãos sobre os protestos ocorridos no Brasil

Por Renato Vargens

Tenho percebido nas redes sociais um número incontável de cristãos com medo do que possa acontecer ao Brasil em virtude dos protestos populares que estão varrendo a nação. 

Caro leitor, eu tenho uma visão positiva das coisas! Creio profundamente que o Senhor governa as nações. As Escrituras nos mostram isso. Nosso Senhor ao longo do tempo mudou a história do mundo fazendo com que a sua vontade soberana se manifestasse entre os povos. Sim, ele usou a Babilônia, o Egito, a Grécia, Roma. Sim ele usou, faraó, Nabucodonozor, reis e poderosos para que se cumprissem sua vontade na terra. 

Isto posto, dirijo-me a estes lembrando-lhes que apesar dos pesares Deus continua no controle de tudo e sobre todos. Sim! As Escrituras nos ensinam que o Senhor reina soberanamente sobre a terra. A Bíblia testemunha que o Eterno é absolutamente poderoso. Como Deus Ele governa o mundo. Ele é o Rei dos reis, o Senhor dos senhores, o excelsior e soberano Senhor A Ele pertence todo poder e toda autoridade para fazer o que lhe agrade em cima nos céus e em baixo na terra. O mundo e tudo que nele há é o Seu mundo. Toda criatura é controlada por Sua soberana vontade e poder. 

Diante disto, lhe exorto a confiar no Senhor e a continuar acreditando que a sua vontade será cumprida em nossa nação. Além disso, rogo-lhes que obedeçamos as orientações bíblicas e intercedamos pelo nosso país, clamando ao Todo-poderoso paz sobre o Brasil. 

Encerro esse post dizendo que  que sem sombra de dúvidas precisamos da graça e da misericórdia de Deus agindo em nossa nação.  Portanto, meu desejo é que nós cristãos, além de protestarmos contra aquilo que se transformou o Brasil, nos unamos em oração e jejum para o bem do país.

Lembre-se: Cristo Reina e está assentado SOBERANAMENTE no trono.

Pr. Renato Vargens
OH ! GLÓRIA. disse...

Creio numa batalha e espiritual que se reflete no planeta terra, mas DEUS sempre no controle.

Humberto Queiroz disse...

Amém!!

Rodolfo Seifert disse...

Tenho observado os que se chamam cristãos se mobilizando ultimamente em torno de questões ligadas à homossexualidade e ao aborto. Todavia, quando se trata de mobilização contra corrupção e injustiça social, estes mesmos cristãos se calam. Isto não é com eles, pois não são questões atinentes ao Evangelho. Como não? O Evangelho de Jesus nos desafia a tomar pelo menos três atitudes.

1. O Apóstolo Paulo recomenda que os cristãos orem pelas autoridades, a fim de que todos desfrutem de uma vida tranquila e pacífica (1 Timóteo 2:1-4).

2. No famoso Sermão do Monte, Jesus questiona nossa iniciativa de tirar o cisco do olho do outro quando há uma viga no nosso. Recomenda que devemos nos autoavaliar e nos tratar para podermos tratar melhor do problema alheio (Mateus 7).

3. Por fim, Jesus ensina: “Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, pois serão saciados” (Mateus 5). A busca incessante pelo estabelecimento de uma forma de vida agradável a Deus na sociedade é nitidamente estimulada pelo Mestre.
Penso que a pior postura do cristão num momento de clamor popular contra corrupção e injustiça social é a indiferença. A insipidez e a escuridão em que o país vive parecem constituir o palco ideal pra que o cristão viva o cristianismo de forma piedosa, ativa e relevante:

"Vocês são o sal da terra. Mas se o sal perder o seu sabor, como restaurá-lo? Não servirá para nada, exceto para ser jogado fora e pisado pelos homens. Vocês são a luz do mundo... Brilhe a luz de vocês diante dos homens, para que vejam as suas boas obras e glorifiquem ao Pai de vocês, que está nos céus" (Mateus 5).

Alguém acende a luz, por favor?

Rodolfo Seifert

favourite category

...
test section describtion

Whatsapp Button works on Mobile Device only