quarta-feira, janeiro 11, 2012

Exclusivo: Vazou na internet um documento Satânico

Extra, extra, vazou na internet um documento satânico onde é revelado as orientações de Satanás sobre o movimento gospel e seus artistas. veja abaixo:


Odiado Cramulhão Encardido Junior,

Desejo amargamente que você esteja experimentando todo tipo de sofrimento.

Escrevo-lhe essa missiva para lhe orientar quanto a melhor maneira de fazer com que os filhos do adversário se deixem influenciar pelo glamour, fama e  mundanismo. 

Primeiramente, transforme seus músicos em artistas. Faça com que eles abandonem a adoração verdadeira e queiram desesperadamente se transformar em artistas evangélicos. Aliais, desprezível sobrinho incuta na cabeça deles a necessidade de criar um novo movimento. Isso mesmo um movimento gospel!  
Em segundo lugar, alimente a corrupção existente no coração deles, (lembre-se: a natureza deles é completamente depravada) oferecendo-lhes muito dinheiro. Faça-os acreditar que os seus shows são especiais e que em virtude disto eles precisam de muita grana. Odiado capeta, instigue-os a cobrar altos cachês bem como exigirem regalias especiais.

Em terceiro lugar, vamos leva-los aos meios de comunicação. Uma ótima ideia é que eles cantem na televisão. Instigue o nosso pessoal da TV a criar um festival de músicas gospel. E por fim, para piorar de vez, coloque alguns deles no meu programa favorito de televisão, o BBB. Isso me fará muito feliz!

Espero que cumpra com esmero minhas recomendações.

Termino esta carta, desejando todo tipo de maldade,

Com ódio,

Seu tio diabão.

Nota explicativa:

Há alguns anos, o conhecido autor evangélico C. S. Lewis, professor da Universidade de Cambridge, na Inglaterra, escreveu uma série de artigos sob o título: "The Screwtape Letters" , ou seja, "Cartas do Inferno" , Edições Vida Nova SP, e os publicou no jornal "Guardian", conhecido órgão da imprensa britânica, lá pelos idos de 1940. Depois, essas cartas foram reunidas em um livro com o mesmo título, que se tornou a obra mais popular desse eminente escritor de temas cristãos. Nessas cartas, o autor imagina uma série de conselhos que Roldão, experiente oficial da hierarquia diabólica, envia a seu sobrinho Lusbim, um diabo neófito que recebeu a incumbência de corromper a fé de um homem que se tornara cristão. Visto que, daquela época para cá, tem-se multiplicado as artimanhas satânicas, é lícito imaginar mais alguns terríveis conselhos enviados pelo sinistro oficial ao seu infernal emissário, em plena ação diabólica para desviar os fiéis do caminho estreito. Usando os mesmos personagens, apenas mudamos os nomes, e tomando emprestado o gênero literário do autor mencionado, aqui apresentamos aos amados leitores uma nova carta imaginária, vinda dos abismos infernais.
Jefferson Ricardo disse...

Tenho este livro. Estou esperando ter "coragem" para ler. :)

Henrique Carvalho disse...

Muito bom artigo! Até postei no Facebook!

Soli Deo Gloria!!!

Pr. Carlos disse...

Pastor Renato, creio que devemos pensar sobre o assunto de forma sensata. Quem vive do ministério deve ter um salário digno! Mas infelizmente em virtude do evangelicalismo e da idolatria a personalidades, nós cristãos, criamos um sistema totalmente mundano no que tange ao louvor e adoração, eu penso que o DIABO tem costas largas ... É FÁCIL JOGAR A CULPA NELE. Mas nós estamos tratando de pessoas que deveriam nos edificar e nos elevar a Deus pelas suas vidas, testemunhos e unção! E como profissionais e artistas se colocam numa posição em que devem ser pagos com elevados cachês e isso eu acho um abuso.
Na minha cidade, o sonho da juventude era trazer uma conhecida banda de Rock que está no auge para tocar e fazer um evangelismo, desistimos de cara quando nos foi exigido um cachê de R$15.000,00 e hotel e alimentação para 10 pessoas, van para translados a disposição 24 hs e passagens aéreas. Achei um abuso enorme, não porque pediram o cachê, mas pela forma como tratam disso como condição senequanom para o "show" e não há nada que você possa fazer para mudar isso!
Enfim, como essas pessoas fazem isso de um meio de vida para enriquecimento digo, se eu ganhasse R$2.000,00 por noite trabalhada estaria muito feliz é o que percebe-se na pedida do cachê o que receberia cada músico da banda. É o salário de um músico que trabalha ao nível de Paralamas do Sucesso que é uma super banda e consagrada no meio secular.
É lamentável ver o que tornou-se isso, penso que nas igrejas não há espaço para tal coisa e como músico e pastor e apesar de ter uma visão bastante aberta para isso, me sinto impotente quando vejo arrogãncia, estrelismo, idolatria, falta de visão, ganância, comércio e outras coisas relacionadas a música evangélica. No meu ver música é musica mas infelizmente são raros os casos de um comportamento ético e de unção na vida dos "artistas" evangélicos.

Presbítero Maurício disse...

Muito bem! Parabéns pelo post!
Vejo aqui riquíssimos recursos pedagógicos.

Alan Capriles disse...

Certo pastor disse num comentário acima que "não há nada que você possa fazer para mudar isso". Perdoe minha intromissão, mas creio que isso pode sim ser mudado.

O que nós, pastores, podemos e devemos fazer é simplesmente isso: NÃO CONVIDAR ESSES MERCENÁRIOS DA FÉ para cantar (ou pregar) nas igrejas. Apenas isso.

Essa vergonha só existe porque existem "pastores" que pagam para essa corja ganhar em uma hora o que a maioria dos irmãos não ganha nem com um mês inteiro de trabalho.

E antes que alguém pense em fazer disso um debate, estou fora. Tudo que almejo é fazer minha parte, expressando a verdade, ao invés de ficar debatendo questões óbvias como essa.

Que todos sejam bênção,
para glória de Deus!

Informática disse...

Que coisa mais besta.

tudo bem satanas e bem esperto mesmo, mais acredita mesmo q esses cantores que estão se envolvendo com isso precisa de ajuda do diabo pra desviar do Senhor Jesus?

achei essas carta muito sem noção sem nenhum tipo de instrução a não ser as mais esperadas.

José Augusto Sampaio disse...

Acredito que quanto maior é Deus, maior será o demônio.



Por isso acredito que crer e ter fé não passa necessariamente em ditar nomes, dogmas ou apontar imagens.

E sim entender e aceitar as diferenças. Viver socialmente de forma produtiva
a todos...


Quanto mais criamos títulos, nomes, dogmas, mas nos separamos e perdemos o que é essencial na convivência do dia dia, a Humanidade.

André Sampaio disse...

é bem facil entender a dotrina da prosperidade, mais não consegue entender a essencia? se os nossos olhos não abrirem para este progeto do inferno.... amigo daqui a uns anos, nós seremeos igual a igreja catolica (idolatras, pagãos e cegos).

. disse...

hehehehe...que imaginação fértil pastor.Mas acho melhor atualizar algumas informações advindas do Inferbo: no momento o reality show preferido do Capiroto é a "A Fazenda", que aliás também é, possivelmente, produzido com um "pouco" dos dízimos/ofertas depositados nas fogueiras santas Brasil a fora. Ah, e o você esqueceu de citar o UFC/MMA, programa favorito de muitos evangélicos _ com um público gospel-masculino, inclusive muitos re-formados_ fora do ambiente "da prosperidade".

Ser de Deus hoje está na moda!

Marcelo Cardoso disse...

Infelizmente mercântilizaram o Evangelho de Cristo;um certo dia desses ouvi de um pastor auxiliar de uma certa igreja a seguinte frase;"vou montar uma igreja"esta é a triste realidade de muitos q não querem trabalhar para ganhar dinheiro fácil da igreja.É claro q não incluo pastores sérios e até alguns cantores;todavia não devemos tapa o sol com a peneira com a esta triste realidade;Do que muitos estão se aproveitando da fé alheia.

El Misionero Matsuura Junichiro disse...

A única diferença entre as subceleridades seculares, e as subceleridades "gospel", é que as seculares raramente USAM O NOME DE DEUS EM VÃO!!!! Já as subcelebridades "gospel" fazem isso O TEMPO TODO!!!!

VAMOS NOS CONVERTER!!!!

Heber Araujo disse...

Deus abençoe a todos! Nao esqueçamos dos pastores tambem que compram aviões, sitios, fazendas e que tambem estão na TV. Eu sou musico, trabalho na casa do Senhor. E como musico (profissão) você tem oportunidades de tocar com varias pessoas. Aquilo e uma profissão, e merece um salario digno. Afinal, muitos pastores escrevem livros e os vende. Nao conheco um Pastor que ficou conhecido por suas publicações que foi numa editora mandou fazer um milhão de livros e saiu distribuindo gratuitamente por amor a Obra de Deus. É a mesma coisa com um CD. Quando você se decide fazer a obra de Deus, vc pede inspiração, compõe. Convida Musicos, passa meses ensaiando num studio, Leva o projeto de gravação, passa horas.. dias.. noites gravando enquanto sua esposa fica em casa orando pra Deus abençoar. Enfim, numa banda grande, como um Pastor com ministerio grande que tem Secretarias, motoristas, pilotos de avião e helicoptero, ele precisa dar suporte a essas pessoas que também tem uma familia, que fica em casa orando para que ele volte e garanta a comida e as contas pagas. Uma banda normalmente tem roadies (o pessoal que ajuda a carregar caixas, ver problemas de som no palco), os musicos em sí, os tecnicos de som entre outras pessoas que ajudam. Essas pessoas possuem um estomago, e esse precisa de comida. Engana-se que vida de "artista" é pra ficar Rico. Queridos, boa parte do valor dos CD vendidos ficam com as gravadoras, o valor que vai para o musico e pouco. Isso sem falar com a pirataria. Ai falam, mas o "show" é caro. Sim, mas ainda assim a maior parte do valor vai pro "empresario" o irmão que consegue as apresentações. O musico no geral (não só os evangelicos) vivem praticamente de apresentações. Sei que tem muito mercenario sim, as vezes penso que Jesus tinha q entrar no tempo novamente mas nao com um chicote, ma com uma arma mais pesada rs (foi uma brincadeira). Mas a coisa ta seria de mais. Hoje por querer me dedicar somente a obra de Deus, decidi não tocar mais fora do trabalho evangelico. Pedi a Deus uma oportunidade e Ele me deu. Louvado seja Deus por isso.

A minha igreja passa uma ajuda de custo para alguns musicos da igreja que trabalham de forma integral. Eu preferi não receber, pois eu tenho uma outra profissão de onde tiro o meu sustento e da minha familia.

Deus abençoe a todos e parabéns pelo blog. De hoje em diante passo a acompanhar.

Gilvan Santos disse...

HÁ MUITO VENHO DIVULGANDO UM ASSUNTO SEMELHANTE QUE TRAZ UMA PERGUNTA: "ADORADORES OU PROFISSIONAIS DE ALTARES?"
TENHO FALADO SOBRE ESSAS COISAS, PARA OS PROFISSIONAIS DE ALTARES CIDADEE E IGREJA PEQUENAS NÃO ESTÃO NA ROTA DESSES PROFISSIONAIS, POIS ESSAS CIDADES E IGREJAS NÃO PODEM OFERECER O CACHÊ E AS REGALIAS QUE TAIS PROFISSIONAIS DE ALTARES PROPOEM, OS FAMOSOS DO GOSPEL TEM SE MOSTRADO A ELITE DA GRAÇA E OS DEMAIS A PLEBE, VOCÊ JÁ VIU NOS SITE DE RELACIONAMENTO DESSES PROFISSIONAIS DE ALTARES? ALGUNS DESSES PROFISSIONAIS QUE CONGREGAM EM IGREJAS QUE TEM 5,7,10, 20 MIL MEMBROS OU MAIS, EM SEUS SITES ELES TEM 1,2,3 MIL SEGUIDORES , ELES POREM SEGUEM 20, 30, 40 100 PESSOAS. SERÁ QUE NESSAS IGREJAS NÃO TEM 1000 PESSOAS QUE POSSUA FACEBOOK, INSTAGRAN, TWITTER? OU SERÁ QUE ESSES MEMBROS NÃO SÃO DIGNOS DE SEREM SEGUIDOS POR ESSE PROFISSIONAIS DE ALTARES? DE FATO ESTAMOS VIVENDO NOS ULTIMOS DIAS. PRECISAMOS DIVULGAR ESSA ESSE ASSUNTO.PASSE PRA FRENTE, VAMOS MOBILIZAR O MÁXIMO NUMER DE PESSOAS. PR.GILVAN SANTOS

Lucas Yahn disse...

Infelizmente você não entendeu foi nada.

cristão cristo disse...

Agora vamos todos pregar o evangelho vamos e parar de criticar quem esta fazendobando de hipocrita

Denise Figueiredo disse...

garanto que Arnaldo jabour já leu, pois usa frequentemen¡te aguns dialogos semelhantes...

Vilgarte disse...

Desculpe, mas estou enganada ou tem pastores e missionários que cobram em torno de R$ 15.000,00 para pregar em uma igreja? Se pastores dão o exemplo, como criticar seus fiéis que são cantores?

Splanchnizomai abraçando o amanhã. disse...

Já basta a palavra MÚSICA, que como música mesmo só é mencionada 2 vezes se referindo a babilônia. Música vem de musa, deusa e por aí vai. Por que não, cânticos, hinos, canções? Bem, a coisa está cada dia sendo exposta. Tudo será exposto . Virá à luz. Muito mercado. E Jesus quando entrou em Jerusalém, no jumentinho, suas primeiras palavras foi, ali em Mateus 21, Minha casa será chamada casa de oração, mas vós a tendes transformado em covis de ladrões. É isso. Somos casa de Deus, como diz lá em hebreus, mas a Igreja do Senhor que é eu e você, tá assim, covil de ladrões. Tudo para roubar Jesus dos corações. Que venha arrependimento enquanto é tempo, enquanto isso, temos os Vargens para denunciar e anunciar. Colocam culpa no diabo, mas o diabo não faz nada que o próprio homem não deixe. A carne é terrível. Que o Senhor tenha misericórdia de nós.

Splanchnizomai abraçando o amanhã. disse...

Até onde sei o Fernandinho não cobra cachê.

Verbo Crítico disse...

Salário digno é uma coisa, salários de astros e bajulação em torno do próprio nome é outra bem diferente... Se que ver se isso é ministério os convide para cantar em sua pequena igreja, sem nenhuma estrutura e conforto e principalmente público para ver se eles irão... Não vão! Porque lá na sua igreja não terá pessoas com camisetas deles e faixas com seus nomes na cabeça... Toda honra e toda glória sejam dadas à eles! Isso é o movimento gospel.

favourite category

...
test section describtion

Whatsapp Button works on Mobile Device only