segunda-feira, janeiro 27, 2014

Será que a virgindade é um conceito ultrapassado?




Há pouco fiquei sabendo de um ginecologista que trouxe o seguinte relato: 

"Antigamente algumas meninas quando vinham ao meu consultório sentiam vergonha por não serem mais virgens. Hoje a coisa mudou. As meninas quando chegam ao consultório sentem vergonha por serem virgens."

Outro dia soube da história de uma igreja onde os jovens costumam sair dos cultos diretamente para a balada e da balada para o motel. Para estes, não existe o menor problema em fazer sexo antes do casamento, mesmo porque, segundo a sua perspectiva liberal de ser, o que importa é o amor.

Pois é, para piorar a situação, não são poucos aqueles que acreditam, que a virgindade é coisa do passado e que Deus deseja com que todos sejamos felizes, e que em virtude disso ele apoia a liberdade sexual.

De acordo com dados do Ministério da Saúde, de 1996 a 2006 o percentual de garotas que perderam a virgindade até os 15 anos saltou de 11% para 33%. Nesta mesma faixa, 47% dos meninos já tiveram sua iniciação. "A erotização está começando cada vez mais cedo e de forma intensa", afirma a psicopedagoga Quézia Bombonatto, de São Paulo.

Há alguns anos tempo surgiu nos Estados Unidos um movimento favorável a manutenção da virgindade. A ideia nasceu no início da década de 90 com o programa “True Love Waits” que prega a abstinência sexual até o casamento. O projeto, que percorre escolas e instituições ligadas à juventude, começou na Igreja Batista e depois foi adotado por diferentes crenças em mais 13 países. Segundo Jimmy Hester, coordenador do TLW, cerca de 3 milhões de jovens fazem parte do programa. “Esse é o número que temos documentado. Durante as palestras, alguns adolescentes assinam nosso acordo de adesão”, diz. No início, a organização lançou uma pulseira de plástico para simbolizar a filosofia. Depois o acessório foi trocado por um pingente de prata, mas só ganhou popularidade com o "anel da pureza" - acessório que pode ser usado por meninas e meninos. “Não fabricamos mais a joia. Atualmente há inúmeras instituições que as vendem e alguns jovens preferem desenvolver seu próprio anel”, diz Hester.

Caro leitor a relação sexual é privilégio de casais casados. As Escrituras Sagradas nos ensinam que adolescentes e jovens devem viver em estado de pureza. Creio, portanto, que essa geração precisa rever seus valores não se deixando moldar pelos pressupostos deste sistema. Somos chamados por Deus a vivermos uma vida onde a liberdade e a responsabilidade transforma-se em marcas de uma geração comprometida com seu Senhor e consigo mesma.

Pense nisso!

Renato Vargens
bete disse...

Pr Renato boa tarde, é muito difícil saber quando os adolescentes falam fazem alguma coisa, pois , as meninas estão bem mais dispostas para fazer algum garoto que crÊ em Deus se desviar, parece-me que fazem como um troféu !!!
Devemos orar mais e esperar em Deus que nossos filhos não caiam nas ciladas do inimigo, afinal,ele não é feio, como pensam, para fisgar a presa ele aparece de tal forma, doce, lindo, com muitas dicas para que vc acredite que é uma coisa normal, afinal todos fazem mesmo?
Que Deus nos cuide !
um abraço
em Cristo
Bete

Dougllas knnor disse...

Para mim á sociedade tmb parte de culpa ,pq não educam seus filhos corretamente ;Vejo crianças de 10 anos indo para bile funk dançar musicas proibidas com linguajar completamente erótico ,isso e um estimulo para uma mente que ainda esta em desenvolvimento .Os pais têm que se conscientizar e conversar continuamente com seus filhos a respeito do sexo e as suas consequências ,ainda mais pais cristãos.
É tmb e um sinal da volta de Cristo

Janete de Souza disse...

Eu me guardei pro meu esposo, casei com 38 anos e não me arrependo nenhum pouquinho, porque Deus honrou minha fidelidade e me deu muito além daquilo que pedi!

Gilbert Raposo disse...

Pastor, somando criação, televisão, convivio na escola, joga-se o jovem para uma caçada atráz de um troféu para exibição ao derredor, isso no mundão, porém já se começa nesses bailes ( dance gospel ) a intenção de formar pares
sem a naturalidade que deve acontecer, quando um casal se identifica, mas temos um exemplo de excelente de quem se guardou até o dia de seu casamento, o jogador KAKÁ, é só querer e usar o freio.
Gilbert Raposo, um aprendiz em Cristo Jesus.

Anônimo disse...

Ola Pr Renato,
Meu nome e Marcia e eu tenho estudado e traduzido os assuntos do TLW.. Na verdade Deus colocou isso no meu coracao para estar fazendo palestras a respeito da pureza com jovens e adolecentes em qualquer pais que eu possa me comunicar. A verdade e, os jovens nao conhecem as verdadeiras consequencias do sexo antes do casamento. Muitos pensam ser a gravidez uma grande consequencia, e so uma delas porem ficar gravida nao e uma doenca. Mas geralmente as meninas que ficam gravidas guando adolecentes so 10% delas conseguem ir pra faculdade e ter uma vida acima do nivel de pobreza(indice de USA, no Brasil e outros pais esse numero e ainda menor). o sexo antes do casamento traz varias consequencias, na epoca dos nossos pais se conheciam 5 tipos de doencas venereas, hj mais de 30,e muitas delas nao sao nem necessario o relacionamento por completo so mesmo o contacto com a pele ja podera transmitir a doenca.. E o pior de todos e o espiritual.. E isso serve nao somente para os adolecentes, tambem os adultos que vivem uma vida liberal, sexo livre e coisa e tal..Nos precisamos divulgar esse trabalho no Brasil o mais rapido possivel, entre pais e filhos, entre os adultos que tomem uma decisao de se guardarem para o seu conjuges.. Que Deus mude essa situacao, mas nos precisamos ajudar os jovens que estao nas nossas Igrejas e nas nossas casas a entender a importancia de se guardar..

Renato Vargens disse...

Marcia,

Os dados que vc trouxe são interessantissimos. Vc tem a fonte? Se possui, vc me enviar?

Abraços,

Ubirajara Oliveira disse...

Pastor, acompanho diarimente seus posts e fico muito a vontade de expressar minha opinião sobre o assunto. Não sei porque ainda se discute a virgindade tendo como foco a mulher. Ninguém discute a questão no lado masculino. Por que? Por outro lado, há a questão do casamento como conhecemos hoje, que foi instuido no seculo III: um contrato, como se compromisso fosse somente um papel assinado com direito a testemunhas. Nos dias atuais, na maioria das igrejas não há um trabalho especifico de orientação, a não ser os que promovem a culpa como instrumento de intimidação. Ninguém fala que o verdadeiro compromisso é no coração através do amor, que ainda assim pode ser frontalmente atingido por nossa imperfeição. Acredito que a melhor coisa a ser feita é buscar esclarecimento para que na hora da escolha, haja consciencia da atitude.

Unknown disse...

EU ACREDITO QUE VIRGINDADE É OBEDIENCIANPOIS A BIBLIA ENSINA A OBEDECER A PALAVRA E A PALAVRA ENSINA A CONCERVAR O NOSSO CORPO ATE SE CASAR,E OS PAIS ENSINA OS FILHOS A SE GUARDAREM PARA DEPOIS DO CASAMENTO...MAS...HOJE EM DIA SE CONCESRVA A VIRGINDADE SOMENTE AQUELES QUE TEMEM A PALAVRA DE DEUS QUE SAO POUCOS,MQSMO SENDO CRIADOS NO EVANGELHIO OS JOVENS SAO LEVADOS A DESOBEDECEREM POR PA FALTA DE VIGILANCIA...BJU A TODOS...A PAZ DE JESUS.

Filipe Santos disse...

Ubirajara, Graça e Paz

Bem, sempre vi a virgindade como obrigação de todos antes do casamento. A distinção dada ao sexo feminino ocorre fora da Igreja, no mundo ( assim espero, pelo menos ).
O compromisso é no coração, também. Mas veja que o casamento existe desde muito antes do século III, embora fosse diferente. A bênção de Deus e o compromisso, de forma pública, era sim necessária.

JS Graça disse...

Caro,pastor

Este "anel de pureza" lançado nos EUA,já foi ridicularizado várias vezes por não retratar a realidade..não adianta tampar o sol com a peneira e nem militar contra os hormônios na juventude com panaceias..Não advogo o amor livre,nem defendo o "casamento só pra fazer sexo"..e é isso que os jovens são levados a fazer,a casar de qualquer maneira pra que possam "transar sem peso na consciência"..A juventude tem de interagir com aquilo que fez bem,e não ficar com medo do sexo...ele deve ser exposto como uma benção e explicado como o mundo banalizou e as consequencias disso. .Então,chega de terrorismo psicológico .chega de MEDO MEDO MEDO!!..Medo do diabo,do sexo,do prazer,da internet..e isso em nada edifica nossa juventude,apenas a deixa em estado letárgico..Proponho botar a molecada pra interagir com as novas mídias pregando a palavra,praticando esportes,indo pra rua sem temor da realidade,consciente que Cristo não está preocupado não só com a sexualidade,mas com o caráter,com a pureza do coração,a solidariedade,o amor ao próximo...resumindo: Mostrar pra essa galera cristã,amada de Deus,que a vida não se resume apenas a sexo;mas sem neuras.

JS Graça disse...

Caro,pastor
Essa paranoia a cerca do sexo me deixa perplexo.Este "anel de pureza" já foi ridicularizado nos Eua pela falta de testemunho de muitos detentores de tal artefato.
Pois bem,vamos aos fatos:Juventude medrosa,essa..o que surpreende é que ninguém fala em medo da inveja,do espírito de altivez,do egoísmo,da avareza..(aliás,nunca esteve tão na moda ser rico em nome de Jesus)..enfim..é só medo do sexo,da libido,do motel,da pornografia,dos hormônios que mesmo com oração,jejum,lendo a Bíblia o dia todo,hão de se manifestar ferozmente nesta idade.Então,vamos expor o sexo,como uma benção com hora certa,mas não forçando a galera a casar apressadamente pra "transar a vontade,sem peso na consciência"...expor que essa prática do amor livre,sexo desenfreado pode ser prejudicial à saúde física e espiritual,mas tudo isso sem essas neuras de anel,"manto da castidade".."eu decidi esperar"..ou seja,slogans de "publicidade puritana" que não torna nenhum jovem mais santo que o outro.Quero ver essa juventude encorajada a ir às ruas,às redes sociais,pregando o Evangelho(não uma igreja),fazendo trabalhos sociais..enfim,conscientes que Deus não está apenas preocupado com a sexualidade,e que a vida é muito mais que isso.

favourite category

...
test section describtion

Whatsapp Button works on Mobile Device only