quarta-feira, agosto 24, 2011

Carta de um diabão a um diabinho sobre o namoro cristão

Odiado Cramulhão Encardido Junior,

Espero que esteja comendo o pão que o nosso maldoso pai amassou.  Escrevo-lhe esta missiva com vistas a lhe orientar quanto a melhor forma de complicar a vida daqueles que namoram ou querem namorar na casa do inimigo.

Primeiramente procure incutir na cabeça da juventude de que são velhos demais e que em virtude disto, eles não podem ficar sozinhos. 

Em segundo lugar, pressione os adolescentes a darem muitos beijos na boca, alíás, incentive-os a beijar descompromissadamente o maior número possível de pessoas. Além disso, faça-os acreditar que pegar é bom e que não existe nada de mal em ter um ficante. Incentive-os também a relacionar-se sexualmente com os seus namorados, fazendo-os  acreditar que o sexo antes do casamento não passa de um tabu religioso e que Deus nosso Pai,  é amor,  e que devido a isso, deseja que todos se amem plenamente.

Maldito Cramulhão, para ser bem sucedido nessa maféfica missão é fundamental que você incuta na mente dos adolescentes e jovens  valores diferentes daquele livro cujo nome não goste nem de mencionar.  (Só de pensar na Bíblia, meu ser estremece!) 

Infeliz sobrinho, escravize-os a televisão! Faça-os amar os seriados feitos para adolescentes! Relativize o sexo e o namoro, além é claro de incentivá-los a se relacionarem sexualmente pela internet.

Espero que cumpra com esmero minhas recomendações.

Termino esta carta, desejando todo tipo de maldade,

Com ódio,

Seu tio diabão.


Nota explicativa:

 Há alguns anos, o conhecido autor evangélico C. S. Lewis, professor da Universidade de Cambridge, na Inglaterra, escreveu uma série de artigos sob o título: "The Screwtape Letters" , ou seja, "Cartas do Inferno" , Edições Vida Nova SP, e os publicou no jornal "Guardian", conhecido órgão da imprensa britânica, lá pelos idos de 1940. Depois, essas cartas foram reunidas em um livro com o mesmo título, que se tornou a obra mais popular desse eminente escritor de temas cristãos. Nessas cartas, o autor imagina uma série de conselhos que Roldão, experiente oficial da hierarquia diabólica, envia a seu sobrinho Lusbim, um diabo neófito que recebeu a incumbência de corromper a fé de um homem que se tornara cristão. Visto que, daquela época para cá, tem-se multiplicado as artimanhas satânicas, é lícito imaginar mais alguns terríveis conselhos enviados pelo sinistro oficial ao seu infernal emissário, em plena ação diabólica para desviar os fiéis do caminho estreito. Usando os mesmos personagens, apenas mudamos os nomes, e tomando emprestado o gênero literário do autor mencionado, aqui apresentamos aos amados leitores uma nova carta imaginária, vinda dos abismos infernais.


Carlos Viana disse...

Não concordo com um monte de coisa que fala na sua coluna de algumas pessoas que admiro com Homens sérios de Deus, mas neste artigo preciso deixar as diferenças de lado e dizer que não trocaria nenhuma palavra pois ficou perfeito e muito atual para época que vivemos pois trabalho com adolescentes na minha igreja e vejo o quanto são assolados com estas mentiras de satanás, parabéns e peço a autorização para divulgar aqui no RS - Viamão, suas palavras a respeito desta assunto T+ Carlos Viana

Glaucia Cavalcanti disse...

Sugiro a leitura do livro - Cartas de um diabo a seu aprendiz - C.S.Lewis. Acabei de ler este livro que o pastor Renato Vargens, em seu texto, faz referência. Recomendo!

ricardo disse...

Cuidado com este caminho. Quem inicia a palavra, planta uma semente no coração de quem houve.... Falar como um diabo, com sugestões dele, com idéias negativas planta sementes, mesmo que seja para demonstrar o contrário. Mesmo que a longo prazo... É incomparável mencionar Buda, mas ele fazia muito isso... digo incomparável porque plantava sementes do bem, sabendo que no futuro a pessoa iria melhorar, e não sementes do mal como estas...

Giovanna Nascimento disse...

Não posso de concordar com essas séries de textos como essa do diabão ao diabinho e as da máquina do tempo. Amo seus textos. Deus o abençoe(mais), graça e paz.

favourite category

...
test section describtion

Whatsapp Button works on Mobile Device only