sexta-feira, outubro 08, 2010

Eleições: Deus não gosta de bajuladores

Por Renato Vargens

Lamentavelmente existem pessoas que acreditam que se bajularem a Deus poderão obter do Todo-Poderoso benesses especiais. Para tanto, erguem suas mãos aos céus no momento de louvor com música, fazem promessas descabidas,  propõe barganhas espirituais, além é claro de dizer ao Senhor o quanto o ama e respeita.  Entretanto, ao contrário do que possa parecer, as pessoas que se comportam desta maneira, desagradam o Eterno.

Ora, a bajulação é um elogio insincero com segundas intenções. Na maioria das vezes, quem bajula, está querendo inflar o ego de alguém para conseguir algo para si ou quer aparentar ser o que não é.

Caro leitor,  a adoração quanto não é sincera, intristece ao Senhor. Deus não deseja ser bajulado pelos seus filhos ou por aqueles que com Ele se relacionam. O interessante é quem em tempo de eleição, alguns dos candidatos a cargos públicos abandonam o ceticismo que lhes é peculiar, afirmando publicamente que amam a Deus e que desejam defender os valores cristãos. Nesta perspectiva,   o aborto é combatido, cultos e missas são frequentados, netos batizados,  louvores  cantados, além é claro de se  assumir uma religiosidade que nunca se experimentou.
 
Como bem afirmou o meu amigo Izidro Junior, o que os bajuladores não contavam é que Deus por ser  onisciente conhece  muito bem o coração e a motivação de todos eles.

Pense nisso!

Renato Vargens

favourite category

...
test section describtion

Whatsapp Button works on Mobile Device only