Respostas a perguntas que não foram feitas

Por Renato Vargens

Hoje eu recebi esse vídeo do meu amigo Sandro Wagner. Depois de assisti-lo algumas vezes fiquei a pensar nas respostas que parte da Igreja de Cristo tem dado a sociedade brasileira.

No vídeo, uma capelã conversa com um senhor que se encontra em estado terminal de câncer, o qual cheio de dúvidas abre o seu coração na sincera expectativa de encontrar respostas. 

Pois é, o que me chama atenção, é que por mais incrivel que possa parecer, as perguntas feitas pelo homem, não foram respondidas pela capelã.

Durante o diálogo o moribundo disse:

Como eu posso esperar pelo perdão?
Eu tenho medo do que vem depois.
O que Deus espera de mim?
Quero um verdadeiro pastor que acredite em Deus e no inferno.
Preciso de alguém que me olhe nos olhos e me diga como achar perdão.
 
Caro leitor, se formos sinceros conosco mesmo concordaremos que o discurso da capelã é o discurso de muita gente por aí. Lamentavelmente existem muito pastores não acreditando no juízo eterno, no sacrificio vigário de Cristo, no perdão dos pecados, como também na vida vindoura.

Isto, posto, afirmo sem titubeio que perguntas necessitam de RESPOSTAS fundamentadas no Evangelho e nas Escrituras Sagradas e não em conceitos filosóficos e  poéticos os quais teimam em ocultar aquele que a morte venceu, Cristo.

Renato Vargens


3 comentários:

Acho que ele já tinha a resposta em seu coração, mas como ele mesmo disse, precisava de um "pastor" para o condusir.
Existe muita gente que ama mas não consegue dizer 'eu te amo' talvez por ter vivido em um ambiente que não permitia esse tipo de sentimentalismo para muitos sem sentido.
Pessoas condusidas por pastores que são pastoreados por Deus, tem em sua conciência a certeza que somos maus por natureza e que somente o Espirito Santo pode mudar isso. Creio que o Espírito de Deus estava tratando daquele coração, porque persebí arrependimento em sua fala, mas sem ter quem o condusice, somente por uma ação extraordinária de Deus...

21 de junho de 2012 00:45 comment-delete

Sempre achei este vídeo sensacional.

21 de junho de 2012 09:43 comment-delete

Cristianismo é fé e prática. Talvez falada ou gritada de um púlpito a retórica cristã surta algum efeito,mas trazida a crueza da vida real ela não resiste. Só prega com autoridade quem crê e vive a boa nova.

22 de junho de 2012 11:16 comment-delete